in

BADZILLA rompe fronteiras entre ritmos para apresentar o EP de estreia Tropical Ghetto

Com participação de Vitão, FBC, Zudizilla, Bebé Salvego, Tárcis, Lay, MC Taya e Fredd, o lançamento do projeto estará disponível nas plataformas digitais acompanhado um DJ set do EP em formato de live

Badzilla 746 POP CYBER
Trovoa Comunicação

Evidenciar as referências musicais que os moldaram, por meio da produção musical, é o que guia a carreira do duo BADZILLA. TUTI AC e LAN encararam os beats como forma principal para abranger e expandir a musicalidade brasileira. O EP de estreia, Tropical Ghetto, é um registro de pensamentos, inspirações e momentos de resiliências vivenciados pela dupla desde sua formação em 2021. Agora, o projeto estará disponível para o público nas plataformas de streaming de áudio a partir do dia 7 de dezembro (ouça aqui). Para acompanhar o lançamento e promover uma experiência para aproximar ainda mais o ouvinte, BADZILLA apresenta na mesma data um DJ Set especial, com a participação de Bebé Salvego e Lay, integrante da banda Tuyo, em seu canal de YouTube (confira aqui).

Entre um ano de idas e vindas ao estúdio, Tropical Ghetto foi estruturado para elevar o alto astral e ser a trilha sonora que irá guiar o verão de 2024. O início se dá com a faixa “Naquele Pique”, um feat com o cantor e compositor Vitão. Juntos os artistas levaram o pop para uma nova atmosfera, unindo batidas de samba e funk. “Cachoeira”, segunda canção da tracklist, traz os versos de MC Taya e Fredd em uma construção musical pautada pelas referências latinas que mesclam reggaeton, funk e trap. Já a terceira produção, “Vitória Brindar”, tem as vozes melódicas de Bebé Salvego e Tárcis em conjunto com uma melodia criada a partir da bossa nova, axé, boombap, pop e trap. “Não Me Conhece”, com participações de Lay (integrante da banda Tuyo) e Zudizilla, explora as camadas existentes em uma relação, fazendo referências aos anos 2000. Por fim, “Música Eletrônica de Favela”, em parceria com o rapper mineiro FBC, é guiada por um beat de drill pesado e versos autobiográficos do intérprete.

O encontro de sonoridades proposto pelo duo é o carimbo de suas origens e influências musicais. Guiado pelo funk, trap, afrobeats e também reggaeton, o EP sintetiza um Brasil a partir de sua essência: a diversidade. Tropical Ghetto intitula o projeto que reúne cinco faixas e nove participações, como um mergulho na estética sonora brasileira. “Queríamos algo que resumisse as brasilidades de forma colorida e única, por isso escolhemos a feira livre de rua, que é muito tradicional no nosso país”, conta LAN, conectando as canções com o visual que ilustra a capa do projeto. “É uma combinação das cores das frutas, a dinâmica da venda, os encontros das pessoas que moram próximo sempre naquele mesmo dia e horário. A feira resume muito do sentimento que queremos com esse EP”, complementa.

O compilado de canções é amplificado justamente pelos encontros. “As músicas se conectam muito pela união de artistas que talvez nunca tivéssemos oportunidade de trabalhar”, explica LAN. Para brindar o lançamento, a dupla apresenta um DJ Set pensado para externalizar a união dos artistas na criação do EP e reforçar a estética única que BADZILLA propõe em suas músicas.“É para mostrar que o BADZILLA é isso: somos dois produtores que vêm de lugares diferentes, que trafegaram em vários nichos no universo fonográfico e se dedicam à música de uma forma livre”, finaliza LAN.

Rodriguinho Di Proposito scaled POP CYBER

Di Propósito lança o projeto “Além”

Felipe e Rodrigo scaled POP CYBER

Felipe e Rodrigo liberam a inédita ‘Muito Eu’