Connect with us

Entrevistas

ENTREVISTA: MADÚ, Calena, Tibí, Tainá Seabra, Becca Perret e Daniel Cruz falam sobre “O Jeito Que Cê Faz”

Published

on

MG 3893.jpeg

Com a proposta de apresentar artistas novos presentes na cena da música brasileira, o projeto Flow RNB, assinado pelo selo Arca, reuniu os músicos independentes MADÚ, MADÚ, Tibí, Tainá Seabra, Becca Perret e Daniel Cruz, na música “O Jeito Que Cê Faz”. A produção foi distribuída pela Believe Digital.

“O Jeito Que Cê Faz” contou com a produção musical de Gabriel Salles, Gabriel Lucchini, Palma e JOK3R e foi toda composta em um processo colaborativo. Os cantores se uniram para o refrão da canção e no verso aonde cantam individualmente, cada um escreveu o seu próprio trecho, buscando trazer um pouco da própria essência e personalidade musical. O resultado final apresenta um som moderno, que mistura de maneira única o R&B contemporâneo, pop e o hip hop.

O projeto foi idealizado por MADÚ que, desde que começou a trabalhar com música, conheceu várias pessoas talentosas e sempre desejou juntar artistas novos em projetos que gerassem visibilidade e apoio aos músicos independentes. Para saber mais detalhes  sobre o projeto, conversamos com os integrantes em uma entrevista pra lá de especial. Confira:

Pop Cyber: MADÚ, o projeto foi uma idealização sua. Como você chegou nessa ideia e o qual era o objetivo?

MADÚ: A ideia veio em uma reunião com meu produtor, Gabriel Salles. Estávamos pensando o que iríamos fazer em maio de lançamento, e eu sempre quis fazer um projeto com artistas que admiro. Começamos a desenvolver a ideia e chegou nesse resultado incrível! O objetivo era unir artistas locais do cenário de música do BR e promover nossa interação/ apoio. Juntos somos mais fortes!

Pop Cyber: Como estava o coração para lançar a faixa “O Jeito Que Cê Faz” com o projeto Flor RNB?

Calena: O coração estava a mil. Não estava escrito o quanto eu estava animada com esse lançamento. Além da música ser uma das minhas favoritas que já escrevi e ter tantos artistas incríveis juntos, foi o meu primeiro lançamento desse ano de 2021. Saí do estúdio já querendo mostrar pra todo mundo! haha

Pop Cyber: “O Jeito Que Cê Faz” é um feat entre vários nomes da música e alguns ainda não se conheciam pessoalmente. Como foi a experiência de contribuir nessa parceria?

Tainá: Foi incrível ter sido uma das artistas selecionadas pra colar nesse projeto! A a melhor parte foi ver como nossa vibe bateu, logo de cara. Cada artista conseguiu explorar muito bem sua identidade artística e essa junção não tinha como dar errado!

Pop Cyber: Para “O Jeito Que Cê Faz” cada um escreveu seu próprio trecho, certo? Como foi a reação de vocês ao verem o resultado final da música?

Daniel: Correto! Fiquei bastante feliz porque foi algo totalmente improvável. Artistas de nichos totalmente distintos fazendo digamos que um RnB por assim dizer e ficando do jeito que ficou? Muito bom mesmo. Uma salada de fruta muito gostosa! Ficamos muito felizes pela entrega e comprometimento que cada um de nós tivemos pra que o “o jeito que cê faz” ficasse realmente bom. Atingimos esse objetivo? Não sou eu que vou dizer. O público responde por mim em forma de stream.

MG 3974.jpeg

Pop Cyber: O quão especial esse projeto é para vocês?

Tainá: Demais, acho muito importante a ideia do projeto de unir artistas locais que estão no mesmo corre. Acredito que quando forças são somadas, com a mesma energia, dividindo o mesmo sonho, o sucesso é certo! E os resultados em poucos dias de lançamento provam o que sentimos quando finalizamos a composição: que ia estourar.

Calena: É um projeto especial demais pra mim, porque além de me desafiar a compor com pessoas tão diferentes e parecidas ao mesmo tempo, me permitiu conhecer um pouco mais esses artistas incríveis e me conectar com eles! Esse projeto veio pra provar que é muito melhor construir junto, crescer junto e vou levar isso pra sempre comigo.

MADÚ: Muito especial. Eu organizei o projeto e tomou uma proporção bem maior do que eu imaginei inicialmente, isso é muito gratificante.

Daniel: Cara, tive contato com artistas que eu jamais teria normalmente. Ou poderia até ter, mas com certeza n iria por não ter muito a ver com o que eu faço. Isso foi bom porque abriu um leque de opções e de certa forma obriga a gente a sair da bolha e de pensar que “mesmo sendo bem diferente, pode sim dar certo”. Então esse projeto tem um lugar privilegiado no meu coração por isso. Fora os amigos pra vida que eu adquiri.

Tibí: Pra mim a parte mais importante foi ter tido contato com artistas novos que eu ainda não conhecia e hoje admiro muito… Muito feliz com o resultado e com a repercussão.

Becca: O flow R&B faz parte de um movimento que tenta dar mais visibilidade e reconhecimento a tantos artistas desse gênero que mesmo entregando um trabalho com muita qualidade ainda não tiveram tantas oportunidades na cena. Acredito que a união é tudo nessa vida, e quanto mais pessoas unidas em prol de um propósito mais a possibilidade dele acontecer.

Pop Cyber: Qual foi a parte mais desafiadora do projeto?

Becca: Só a ideia de juntar 7 artistas de diferentes estilos pra escreverem juntos uma música já é super desafiadora, que dirá colocar em prática! Conseguir alinhar os pensamentos, a bagagem de cada um, equipe, horários e agenda foi um pouquinho complicado mas todo mundo estava muito feliz e animado com projeto o que fez a gente lidar com essas situações de uma forma mais leve! A leveza e sintonia que o grupo teve fez completa diferença na hora de lidar com esses desafios.

Pop Cyber: Acham que ainda podem rolar mais feats entre vocês no futuro?

Tainá: Com certeza, foi muito daora conhecer essa galera toda pessoalmente e sentir de pertinho como é o trampo deles. Se já deu certo de primeira, imagina se rolarem outras vezes.

Calena: Com toda certeza. Eu sou fã de todos eles e espero que venham mais colaborações em breve.3

MADÚ: Com certeza! Eu amei trabalhar com a galera e admiro muito eles. Nossa energia fluiu bem, e com certeza mantenho minhas portas abertas pra oportunidades futuras entre nós.

Daniel: Com toda certeza. Só me chamarem que estarei prontamente a disposição!!

Becca: Torço muito para que isso aconteça porque admiro e acompanho o trabalho de todos, e receber outros artistas nesse projeto também seria muito incrível!

Tibí: Com certeza, todos sem exceção são artistas que admiro e que estou super aberto pra pensarmos em algum feat no futuro.

Jornalista formada, trabalha na área desde 2017. Possui a própria empresa de assessoria de comunicação e é apaixonada pelo meio artístico e audiovisual. E-mail: [email protected]

Advertisement