Dupla Luiz Henrique e Léo estreiam projeto ao vivo com o hit “Aqui Não, Vagabundo”, feat com Paulo Pires

A dupla Luiz Henrique e Léo lança na quinta-feira, 21 de julho, o primeiro single do audiovisual “Ao Vivo em Goiânia”, gravado em abril deste ano. Intitulada “Aqui Não, Vagabundo”, a música traz um mix de sertanejo com piseiro e tem a participação de Paulo Pires, que viralizou com o hit “Ameaça” ao lado de MC Danny e Marcynho Sensação. O novo single é uma composição de Rodrigo Reys e fala sobre aqueles “contatinhos” que ligam de madrugada, sempre depois da “revoada”.

“O mais incrível é que no dia em que escolhemos a ‘Aqui não, vagabundo’, já pensamos no Paulo, tudo a ver com a música, né? Porém o convite foi feito apenas dois dias antes do DVD. Ele topou na hora e foi uma honra pra nós recebê-lo. Que energia, tenho certeza que todos vão curtir muito!”, comemora Luiz Henrique.

“Lembro que estávamos no estúdio do Dudu Oliveira e o Rodrigo Reys chegou com uma música que tinha acabado de compor e ela encaixava perfeitamente no projeto. Logo que ouvimos a primeira vez gostamos demais e o Dudu Oliveira fez um arranjo fantástico, dá vontade de tocar no replay”, completa Léo.

O audiovisual “Ao Vivo em Goiânia” será lançado em breve e conta com participações de Henrique e Diego, Netto e Henrique e Paulo Pires. No total são 10 faixas, sendo nove inéditas e uma regravação – a do hit “Anticorpos”, lançado em 2021. A direção-geral do projeto ficou por conta de Rafael Vanucci. A produção musical é de Dudu Oliveira e a direção de vídeo de Will Santos (Terra Produções).

SOBRE A DUPLA

Luiz Henrique de Oliveira Borges (Luiz Henrique) e Leonardo Muniz Rossini (Léo) se conheceram em 2010, na faculdade, em Ilha Solteira, e atualmente moram em Birigui, interior de São Paulo. A paixão pela música falou mais alto e eles começaram a conciliar os cursos com as festas de república até que os palcos se tornaram de fato, a vida da dupla.

Desde então, a dupla não parou mais. Luiz Henrique e Léo colecionaram hits, composições que estouraram nas vozes de artistas como Cristiano Araújo e fizeram parcerias com duplas de renome como Israel e Rodolffo, Henrique e Diego e mais recentemente Guilherme e Benuto.

Hoje já são mais de 40 composições, tanto gravadas pela dupla quanto por outros artistas. Destaques para: “Hoje eu tô Terrível”, “Anticorpos”, “Amores Rasos” e “Qual é a do Amor”.

ZEK aposta no R&B em seu novo single, “Só Tem Eu”

Samarony se une a Tarcísio do Acordeon em novo single