in

Coletivo Pipoca contou com mais de 560 mil foliões neste sábado (17) na região do Ibirapuera após os desfiles da Orquestra Voadora e Navio Pirata – BaianaSystem

Coletivo Pipoca contou com mais de 560 mil folioes neste sabado 17 na regiao do Ibirapuera apos os desfiles da Orquestra Voadora e Navio Pirata BaianaSystem POP CYBER
Créditos: Marcos Credie

Neste sábado (17), no pós-carnaval de rua de São Paulo, o número de foliões na região do parque do Ibirapuera chegou a mais de 500 mil. No começo do dia, o bloco Orquestra Voadora voltou à capital paulista com mais de 250 músicos e artistas circenses, realizando um desfile espetacular, iniciado ao som de “Pro dia nascer feliz”, do Barão Vermelho.

O desfile contou com quatro alas: 200 instrumentistas, 50 pernaltas, 10 circenses e a ala denominada Assexybilidade, que tem o nome neste carnaval em homenagem ao filme de Daniel Gonçalves, lançado no festival de cinema do Rio de Janeiro em 2023.

Trompetes, tubas e tambores tomaram conta do desfile, manuseados por seus respectivos ritmistas vestidos com fantasias de personagens e animais como arara azul, arara vermelha, Mulher Maravilha, Minnie Mouse, Pikachu, entre outros.

Após o término da Orquestra Voadora, o público recebeu, pelo segundo ano consecutivo, o Navio Pirata – BaianaSystem, que levou os foliões para uma inesquecível viagem em alto mar, com clássicos a bordo, como Lucro, Duas Cidades, Dia da Caça, Playsom, Sulamericano, Bola de Cristal, além da nova faixa Batukerê, lançada em 8 de fevereiro, e que contagiou a multidão presente, encerrando o dia de pós-carnaval de maneira única.

No meio do desfile, o grupo BaianaSystem contou com a presença dos artistas Larissa Luz, Vandal e Bnegão, que se apresentaram durante todo o trajeto.

Carnaval Viva a Rua

Em São Paulo, a Pipoca promove a terceira edição do Carnaval Viva a Rua, com a presença de Alceu ValençaMonoblocoChico CésarMaria Rita, BaianaSystem e Orquestra Voadora, partindo do Obelisco, no entorno do Parque do Ibirapuera. Também se encarrega do Bloco do Sargento Pimenta e Forrozin, com Mariana Aydar, no centro da capital paulista, dentre outros. Já na Bahia, a Pipoca realiza ações para diversas marcas, blocos e artistas como Ivete Sangalo, Leo Santana e Bell Marquese no Rio de Janeiro, Bangalafumenga, Bloco do Sargento Pimenta, Bloco Areia e Escangalha, além dos cortejos do Monobloco e Orquestra Voadora também na capital fluminense.

Para ampliar a capilaridade e aproximar mais o público da experiência da festa, a Pipoca inova com seu projeto de transmissão proprietário, em parceria com marcas, levando imagens exclusivas de bastidores e do público, além da visão geral dos trios em perfis específicos em redes sociais.

Sobre o Coletivo Pipoca:

Criado oficialmente em 2011, o coletivo Pipoca é o maior hub de carnaval do Brasil com três núcleos: um dedicado a produção de grandes projetos de carnaval em sociedade com artistas e grupos como Alceu Valença, BaianaSystem, Monobloco, Mariana Aydar, Chico César, Maria Rita, Bangalafumenga, Orquestra Voadora e Bloco do Sargento Pimenta, outro núcleo dedicado ao planejamento, criação e execução de live experience para marcas como Brahma, Guaraná, Engov After, UBER, KWAI, Takis, Boticário, em cidades como Olinda, Recife, Salvador, São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte e o terceiro núcleo de Conteúdo e Mídia, sendo criadora de formatos inéditos de cobertura e transmissão do carnaval de rua de artistas como Alceu Valença, Bell Marques, Ivete Sangalo, Monobloco, BaianaSystem e outros. Além de sua atuação no Carnaval a Pipoca também é responsável pelo maior festival de gastronomia criativa do país, o Smorgasburg, reunindo mais de 100 mil pessoas em 2 dias nas ruas de São Paulo Para mais informações: siteInstagramFacebookYouTubeLinkedIN e TikTok.

Dua Lipa – Training Season (Music Video)

Corinthians conquista o titulo da Supercopa Feminina Betano 2024 pela terceira vez POP CYBER

Corinthians conquista o título da Supercopa Feminina Betano 2024 pela terceira vez