Connect with us

Música

Veja os Easter Eggs do curta-metragem de “All Too Well”

Published

on

taylor swift red 1
(Foto: Divulgação)

Ontem (12), Taylor Swift lançou o aguardado curta metragem da música “All Too Well” — uma representação devastadora dos estágios do relacionamento conturbado vivido pela cantora com o ator Jake Gyllenhaal em 2010.

Como de costume, Taylor — que além de atuar, também escreveu e dirigiu o ‘short film’, fazendo sua estréia na categoria — escondeu diversos Easter Eggs e, passada a emoção inicial pós lançamento, separamos alguns deles. Confira:

Mercedes de 1989
O início do curta é uma representação de uma viagem ao interior feita pelo casal durante o outono. No teaser divulgado por Taylor há uma semana, podemos ver que o carro usado por eles é uma Mercedes-Benz S-Class de 1989, uma possível referência ao álbum “1989”.

Mercedes de 1989 taylor swift all too well

Amor e Outras Drogas

No período em que namoraram, o trabalho mais recente de Jake era o filme “Amor e Outras Drogas”, onde há uma cena parecida com a que Taylor mostrou no teaser de “All Too Well”

amor e outras drogas taylor swift all too well

Capítulos

A história narrada no curta é dividida em vários capítulos que mostram o relacionamento do início ao fim. Taylor curtiu um tuíte confirmando que são Easter Eggs para indicar que ela se tornaria uma escritora no final, mas também poderia ser uma sutil referência à música “The Story of Us” onde ela também conta a história de um relacionamento frustrado com capítulos e um fim. Next chapter!

capitulos all too well

Semelhança à Fotos de Paparazzi

Alguns fãs notaram que a sequência onde os personagens de Dylan e Sadie se abraçam poderia ser uma pequena referência às famosas primeiras fotos que paparazzi fizeram do casal Jake e Taylor no início do relacionamento.

004 768x384 1

A sequência onde o personagem de Dylan sai do carro irritado jogando o chaveiro no chão também pode simbolizar o momento que paparazzi flagraram Jake e Taylor supostamente brigando dentro de um carro.

frame all too well

Bebidas na mesa de jantar

Na cena onde o casal aparece num jantar com amigos, o copo da personagem de Sadie é o único que está cheio, o que pode simbolizar que Taylor se serviu apenas para ‘se encaixar’, mas não bebeu por ainda ser menor de 21 anos.

copo cena all too well

Briga

O desconforto da personagem de Sadie no jantar fica nítido quando ela tenta pegar a mão do namorado e ele a rejeita. Mais tarde, ela o confronta dizendo “Você soltou a p**** da minha mão”. Essa pode ser uma referência à música ‘champagne problems’, do evermore, que diz: “Soltei a sua mão enquanto dançava”.

Louças

Depois do jantar a personagem de Sadie aparece lavando as louças. Essa pode ser uma referência à música “tolerate it”, que diz “Eu sento e escuto / Lustro os pratos até que eles fiquem brilhando”. Além disso, outras referências da música do ‘evermore’ podem ser identificadas: “Arrumo a mesa com as coisas chiques” “Você é tão mais velho e mais sábio”.

Beijo depois da briga

Após uma briga feia onde o personagem de Dylan faz o que conhecemos como “gaslight” e tenta fazê-la acreditar que tudo não passa de coisa da cabeça dela, ele a vê chorando e a consola com um beijo, se desculpando. Essa cena lembra o trecho de “Sad Beautiful Tragic”, que diz: “Me beije, tente consertar isso / Você poderia apenas tentar me ouvir?”

Palavras Cruzadas

Numa das cenas onde o casal aparece feliz, vemos os dois se divertirem com as palavras cruzadas de um jornal — uma referência ao trecho de “Red”, que diz: “Amá-lo era como tentar resolver um jogo de palavras cruzadas e perceber que não há resposta certa”.

Aniversário

Uma representação do pedaço da história que conhecemos na música “The Moment I Knew”: Taylor decepcionada pela ausência de Jake num momento em que deveria estar feliz. Além disso, a cena em que ela assopra as velas pode ser um paralelo com a cena onde ela faz o mesmo no clipe de “Lover”, mas dessa vez com o amado ao lado dela. Ah, alguns fãs notaram que o bolo tem cinco velas. Uma referência ao “1989”, seu quinto álbum de estúdio, talvez?

Colar

Ainda na cena do aniversário, a personagem usa o mesmo colar que vemos no lyric video da música “Run”, com Ed Sheeran. Na música “Sad Beautiful Tragic” também há uma menção a um colar: “Eu parei ao lado dos trilhos / Seu rosto em um colar”.

Camisa xadrez

Na cena em que a personagem de Sadie aparece sofrendo pelo término, ela está usando a mesma camisa xadrez que o personagem de Dylan usava anteriormente. Na própria letra de “All Too Well”, Taylor diz: “Após dias de camisa xadrez e noites em que você me tornou sua”.

Caracterização

Um detalhe que não passou despercebido foi a caracterização dos personagens, principalmente a de Dylan, que ficou extremamente fiel à aparência de Jake Gyllenhaal.

Livro

O livro escrito e lançado 13 anos depois pela personagem tem a capa azul, outra referência à “Red”: “Perdê-lo foi azul (uma tristeza) como eu nunca tinha sentido”. Além disso, alguns fãs associaram a arte da capa a outros dois livros:

The Giving Tree
O livro infantil conta a história da amizade entre um menino e uma árvore, que pode ser interpretada como uma relação abusiva onde a árvore constantemente dá seus frutos ao menino e o permite descansar em seus galhos e em sua sombra. A árvore, porém, não recebe nada em troca — o que pode ser um paralelo à maneira que Taylor pode ter se doado sozinha ao relacionamento com Jake.

Nome do ator

O ator escolhido para representar a versão mais velha do personagem de Dylan O’brien, curiosamente — ou não — se chama Jake Lyon.

Créditos: Taylor Swift Brasil 

Advertisement