Connect with us

Música

Rapper Kdu dos Anjos vê as incertezas da vida com leveza no novo single “Eu Não Sei”

Published

on

alta 1 Credito Rafael Freire scaled
Créditos: Rafael Freire

Não saber o que irá acontecer a seguir pode ser uma fonte de ansiedade para muitas pessoas. Utilizando essa sensação como inspiração, o rapper, compositor e idealizador do Centro Cultural Lá da Favelinha, Kdu dos Anjos, compôs o novo single “Eu Não Sei”, depois do término de um relacionamento amoroso. Lançamento do selo mineiro MacacoLab — braço da produtora A Macaco, responsável pelo Festival Sarará e pela gestão de carreira da banda Lagum —, a novidade chega às plataformas de streaming na sexta-feira, dia 22 de outubro (ouça aqui), acompanhada de um videoclipe (assista aqui).

“Essa música traduz um sentimento de percepção da relatividade, tempo e espaço na vivência de um término de romance”, sintetiza Kdu sobre a inspiração inicial para a letra que, no videoclipe, se estende em uma narrativa de superação com muitas cores e luzes, além de “modelos carudos”, como define Kdu. O registro audiovisual do single apresenta uma estética visual inspirada no Aglomerado da Serra, região onde Kdu fundou o Centro Cultural Lá da Favelinha, em 2015, uma iniciativa independente que fomenta o empreendedorismo social e o desenvolvimento humano através da arte

A faixa é embalada por uma sonoridade resultante da pesquisa musical do mineiro pelo funk em seus vários formatos, como o brega funk: “Há alguns anos pesquiso o funk nacional, a chegada do brega ao ritmo foi muito importante para nossa cultura, pois o funk estava muito sudestino. Também amo trap e as influências das músicas latinas”, conta o artista sobre a mistura desses ritmos com “um pouco de dor de cotovelo” que, segundo ele, formam a “receita” para “Eu Não Sei”.

O single é mais uma prévia do álbum Avelã, terceiro componente na discografia de Kdu, previsto para ano que vem. “As letras deste trabalho propõem uma nova forma de cantar sobre amor, são construções com pontos de vistas mais empáticos, menos possessivos e na proposta de desconstruir o machismo”, resume o artista sobre o disco que também já teve o single “Ciganinha” revelado em junho deste ano. Nesta faixa, que antecede “Eu Não Sei”, Kdu criou uma narrativa em que traz o encontro de um imaginário místico com novas tecnologias (assista aqui).

Jornalista, 23 anos, produtor de conteúdo, trabalho com marketing digital na indústria fonográfica. E-mail: [email protected]

Advertisement
Advertisement