Connect with us

Música

Jovem Dex lança o terceiro DROP do projeto “É o Trap Memo?!”

Avatar

Published

on

DSC08817 scaled
(Foto: Divulgação)

Mostrando seu trapstyle único, carregado de referências nordestinas e vivências particulares, Jovem Dex chega ao terceiro DROP do projeto “É o Trap Memo?!”, com mais três canções inéditas e clipe que vai incendiar a cena. Já estão disponíveis as faixas “Fogo”, que chega acompanhada de um conceitual vídeo oficial nesta sexta-feira, além das canções “O Negro e a Grana – Interlúdio”, com participação de Alee, e a faixa-título, “ÉTPM”, com MC Igu e Yunk Vino. O trabalho, que teve os dois primeiros DROPs revelados no último mês, já conta com mais de 18 milhões de streams de áudio e vídeo.

O talentoso cantor, compositor e produtor baiano de 19 anos estrela o clipe de “Fogo”, com direção de Rafa Costakent. A produção traduz a letra da canção de forma conceitual, apostando em cenas carregadas de estilo e ostentação. Jogos de luzes e efeitos com fogo elevam a temperatura do clipe, que também conta com performances de dança.

O DROP 3 vai ter muito trap, tem um dos visualizers que eu mais gosto, que é o de ´ETPM´, faixa que tem feat com o Vino e o Igu. A galera está esperando bastante por esse DROP, que traz mais duas pedradas, e eu tô muito empolgado com o que vai vir. Gosto bastante do resultado”, antecipa Jovem Dex.

Um dos nomes de maior destaque na cena Trap nacional, Jovem Dex apresentou, em março, o primeiro DROP de seu aguardado projeto de estreia, o álbum audiovisual “É o Trap Memo?!”. O artista deu início ao trabalho com as três canções inéditas, “Tapa” – que estreou com clipe, “Obama” e “Yakuza”. No início de abril, o artista lançou o DROP 2 do projeto, que chegou com o clipe temático da canção “Rambo”, além das faixas “Tropa do D!” e “Flow L.G.”. Além dos vídeos oficiais das faixas foco dos DROPs 1 e 2, ele também disponibilizou os visualizers – vídeos curtos feitos para o YouTube – das outras quatro canções. Destaque, ainda, para as capas do projeto, que são assinadas por Pedro Conti, que já trabalhou no clipe de “Smile”, da cantora Katy Perry.

“É o Trap Memo” será dividido em quatro DROPs, onde três deles terão três canções e o último, quatro faixas, totalizando 13 músicas. O trabalho terá sua narrativa completa em breve.

“O Trap entrou na minha vida desde que eu comecei a respirar. Eu acredito que, por ser preto, nasci predestinado a fazer isso e aí nunca mais saiu” – Jovem Dex. 

Com apenas 19 anos, Jovem Dex é cantor, compositor e produtor de enorme talento, sendo o precursor do Trap na Bahia. Natural de Feira de Santana, iniciou sua carreira, aos 17 anos, com músicas gravadas pelo celular, que chamaram a atenção da Hash Produções, com quem firmou parceria em 2018. Seu primeiro single, “NAV”, deste mesmo ano, combinou referências da cultura nordestina com o Trap, acumulando números de respeito – hoje, a canção alcança mais de 124 milhões de plays.

Ainda em 2018, lançou, em parceria com Dimme, do Sincronia Primordial, e Zetrê, a música “Elamesh”, além dos singles “Al Capone” e “Flexin”, que foi um projeto social em formato de clipe para as crianças de Ipuaçu, distrito de Feira de Santana. No primeiro ano de carreira iniciou shows pelo país, lotando casas e conquistando fãs. Mais hits vieram em 2019, com os lançamentos de “Money”, “Drop”, “Clima Quente”, “Tipo Uma Glock” e “Porsche”, que reforçaram sua identidade e diversidade num trapstyle futurista.

Hoje, o artista acumula mais de 450 milhões de streams de áudio e vídeo nas plataformas digitais, 1.3 milhão de ouvintes mensais no Spotify, e mais de 1.1 milhão de seguidores nas redes sociais. Com um estilo musical único, Jovem Dex assinou com a Sony Music para o lançamento de seu primeiro álbum, “É o Trap Memo?!”.

Jornalista, 23 anos, produtor de conteúdo, trabalho com marketing digital na indústria fonográfica. E-mail: [email protected]

Advertisement