Connect with us
[the_ad id="42828"]

Música

Do Gospel ao sertanejo artistas dão nova cara a música brasileira

Avatar

Published

on

A música brasileira está de roupagem nova e é desafiadora, contestadora e libertadora, de um jeito quase nunca visto antes. Gabriela Rocha, Luan Santana, Giulia BE e Casa Worship São alguns nomes da cena musical que estão dando a cara a tapa e se destacando na mídia de uma sociedade conservadora, conquistando um público que cresce absurdamente por meio de seus trabalhos, que vão do Gospel, pop ao sertanejo em todos feitos com maestria.

Advertisements

O Gospel é um gênero musical que expressa a Fé cristã, atualmente, o estilo que contava com músicas diretamente atreladas a igreja com uma razão única e religiosa, passa por adaptações para atender diferente tipos de público. Por isso alguns dos artistas estão apostando em parcerias e na junção de novos estilos musicais.

Advertisements

Pelo que se vê da experiência de Gabriela Rocha , a cantora é um fenômeno que extrapolou o nicho. Com o maior canal de uma artista gospel do mundo, ela soma mais de 6,3 milhões de inscritos em seu canal do YouTube e um hit, “Lugar Secreto” (do álbum “Céu”, pela Oni Music). A música tornou-se a primeira canção gospel brasileira a ser conhecida mundialmente — soma mais 400 milhões de reproduções.

As Virais do Brasil 

Esse resultado em milhões tem sido para outras bandas como o sucesso da Casa Worship, Formada no ano passado em Goiânia por Léo Brandão, Julliany Souza, Felipe Rodrigues, Kaio Passos e Baby Batera a banda lançou em fevereiro a música “A casa é sua”, que rapidamente viralizou no YouTube (hoje tem mais de 200 milhões de views). A canção passou semanas liderando a playlist “As 50 virais do Brasil” do Spotify e foi a primeira do segmento cristão a romper a barreira do ranking das 50 mais ouvidas do Spotify e da Deezer, graças a gestão formada por Diego Nascimento, Gledson Nunes e Rony Peterson a banda é considerada uma das principais do segmento gospel da América latina.

Um detalhe ajuda a explicar o sucesso da banda: Leo Brandão, foi um dos autores de “Atrasadinha”, hit de Felipe Araújo e Ferrugem que foi a música mais tocada do Brasil no fim de 2018, além disso, a banda também aparece com frequência na playlist de nomes como
Michel Teló, Carlinhos Maia, Hugo Gloss, Felipe Araújo, Matheus e Kauan, Cláudia Leite, Wesley Safadão, Roberto Firmino.

Advertisements

Alta popularidade 

O gospel ultrapassou barreiras e se tornou uma vertente recorrente, segundo dados do Spotify, o brasil teve o crescimento de 44% no número de ouvintes de música gospel, o estilo foi o segundo gênero musical que mais cresceu no país, ficando atrás apenas da música sertaneja.

O maior exemplo da popularidade do gênero musical é o cantor Luan Santana. Artista iniciou sua carreira no sertanejo e ganhou notoriedade internacional com o estilo musical, o primeiro trabalho independente do cantor, Asas usa sintetizadores dos anos 80, fonte a qual Luan tem recorrido nos últimos trabalhos. “No som da bateria, a caixa com muito reverb, guitarra com um timbre” revela o artista.

O single alcançou marcas impressionantes no streaming e já bateu aproximadamente mais de 15 milhões de plays no Spotify e mais de 25 milhões de visualizações no YouTube

Advertisements

Bedroom pop e Giulia Be 

A Cantora Giulia Be é um dos principais destaques do bedroom pop nacional.

“A música faz uma volta de 360 graus. Veio no meu quarto e você ouve da sua cama”, diz cantora do hit “Menina Solta” que está entre os dez mais ouvidos do país

O processo de produção e composição é o diferencial do bedroom pop. Segundo Romar Editor de música pop da Deezer brasil. os artistas trazem letras de experiências pessoais com ritmos e batidas feitas por eles mesmos, seja somente com uma guitarra, mini teclado ou ainda através de beat box com a boca.

“O gênero foge do mainstream, com mais de cinco compositores numa faixa, mixagem de um que passa para outro, etc. Parece com o estilo Lo-Fi. Um grande nome que deu mais força para esse tipo de pop é a Billie Elish, que ganhou cinco Grammys, no início deste ano, com o seu álbum When We all Fall Asleep, Where Do We Go e possui 400 mil fãs nas plataformas digitais.

Ainda que tenha mais sucesso internacionalmente, no Brasil, alguns artistas já se destacam dentro desse gênero, como é o caso da cantora Giulia Be, que finalizou seu primeiro EP da sua casa, entre março e maio deste ano. Solta já possui mais 330 milhões de streams nas plataformas digitais e recebeu certificado de platina no país.

Assim como o caso de Giulia, o bedroom pop abre portas para que novos artistas possam surgir no cenário musical, com produções de baixo custo.

Para esses novos artistas, Giulia tem um conselho.“Eu sinto que muitas pessoas que tem o sonho de entrar na música ainda buscam fazer um grande investimento em produção. E, na verdade, não precisam. Quanto menos apegado em ‘tem que ser perfeito’, mais fácil a sua verdade vai vir. Meu conselho é nunca fazer uma música querendo um hit, mas sim pensando ‘eu vou contar uma história’”.

Advertisements

Jornalista, 23 anos, produtor de conteúdo, trabalho com marketing digital na indústria fonográfica. E-mail: [email protected]

Advertisements