Connect with us

Música

Alessia Cara retorna com dois novos singles “Sweet Dream” e “Shapeshifter”

Published

on

AlessiaCara 20210715 222534861

A cantora canadense Alessia Cara retorna de um período longo sem lançar músicas inéditas com nada menos que dois singles, antecipando o novo álbum que sai ainda este ano. “Sweet Dream”, a faixa-foco, fala sobre um problema bastante comum, que afligiu muita gente durante a pandemia: insônia. “Eu sempre lutei contra o sono, a vida inteira. Estando de quarentena, sozinha, eu não tinha muita coisa acontecendo na minha vida. Então, pensei: ‘Preciso escrever sobre isso’”, contou Alessia. Ouça clicando aqui.

Ela compôs a música durante uma noite sem dormir: os horários indicados na canção, começando às 4h55 e terminando às 8h, foram baseados em experiência real. “Tem um lado divertido, mas a letra é séria, fala sobre a minha ansiedade e sobre insônia”, comentou Alessia.

Em “Spaceshifter”, ela fala sobre o fim de um relacionamento. A canção tem um significado mais forte porque foi produzida por Salaam Remi, produtor de Amy Winehouse, uma das maiores inspirações musicais de Alessia. “Eu escrevi a música na sala da casa onde ela compôs para o álbum ‘Back to Black’. Foi muito louco, um momento em que o círculo se fecha. Tão bonito, um momento mágico”, disse a cantora. Ouça clicando aqui!

A dualidade é tema recorrente deste meu próximo álbum, então fez sentido lançar duas músicas para apresentar os dois lados da moeda. ‘Sweet Dream’ representa as dificuldades e meu desamparo dos últimos anos. É sobre insônia e os obstáculos que meu cérebro atravessa à noite enquanto eu deveria estar dormindo. Nunca é divertido! Por outro lado, há ‘Shapeshifter’, que é uma canção espirituosa e sofisticada. Sinto que representa as partes mais maduras e alegres do álbum. Tive de passar por muita dor para recuperar o equilíbrio. Esta música passa algo de inabalável, apesar de não ser sobre as coisas mais felizes”.

Alessia Cara tem 25 anos e usa a música pop como um diário. Desde que foi catapultada ao estrelato pelo hino dos solitários “Here”, em 2015, a cantora e compositora canadense amadureceu em público, junto com sua plateia. Seus altos e baixos da adolescência e dos primeiros anos de pós-adolescência foram expostos em canções de sucesso.

“Here”, seu single de estreia, chegou ao quinto lugar no Hot 100 da Billboard e vendeu três milhões de cópias. Seu primeiro álbum, Know-It-All, rendeu outro hit, “Scars to Your Beautiful”, e ela ainda contribuiu com a memorável “How Far I’ll Go” para a trilha sonora do desenho Moana. Depois, Alessia aumentou sua coleção de certificados de platina com “Stay”, colaboração com Zedd, e fez um feat. inesquecível em “1-800-273-8255”, do rapper Logic.

Em 2018, com The Pains of Growing, ela simplesmente venceu o Juno Award duplamente, por “Melhor Álbum” e “Compositor do Ano”, firmando-se como uma das principais cantoras e compositoras de sua geração.

Agora, Alessia Cara (descendente de italianos da Calábria) está pronta para ampliar sua influência e seu prestígio com duas músicas muito fortes, “Sweet Dream” e “Shapeshifter”.

 

Jornalista formada, trabalha na área desde 2017. Possui a própria empresa de assessoria de comunicação e é apaixonada pelo meio artístico e audiovisual. E-mail: [email protected]

Advertisement