Alan Passos relembra sua participação no BBB: “Para as pessoas, aquilo era ‘pagar mico'”

“Na época, tinha um preconceito enorme com quem participava de Big Brother”, afirmou o astro de reality

Na Cama com Renato scaled scaled scaled POP CYBER
Privacy

Alan Passos participou do quarto episódio do ‘Na Cama com Renato’ e abriu o jogo sobre sua jornada profissional, desde sua famosa participação no Big Brother Brasil 5 até sua entrada na Privacy no começo deste ano.

De acordo com o astro de reality, ele guarda boas lembranças de sua experiência na casa mais vigiada do Brasil.

“Tenho uma memória ótima, principalmente da minha participação lá dentro. A frase ‘só quem viveu sabe’ é clichê, mas é isso mesmo”, disse ele. “É uma brincadeira de gente grande, um acontecimento. São dias ali que você está vivendo uma fantasia, um mundo totalmente paralelo”.

Inclusive, Alan Passos foi um dos participantes que trouxeram a representatividade preta para a TV em uma época em que isso não era discutido tão abertamente.

“Não é só a grana, é você ter acesso, você conhecer pessoas, culturas”, comentou. “Eu recebo muitas mensagens no meu Privacy de pessoas que falam: ‘Eu me inspirei em você’ ou ‘Pô cara, na época eu adorava o seu cabelo e isso foi o que me fez deixar o cabelo crescer’”.

“Quando ouço esses comentários eu me sinto tocado porque foi uma coisa involuntária, mas que impactou na vida de alguém”, adicionou.

Porém, nem tudo foi um mar de rosas. Ao apontar as diferenças entre o BBB de 2005 e as edições atuais, Alan afirmou que as pessoas tinham uma visão muito diferente de quem participava de realities.

“Na época, tinha um preconceito enorme com quem participava de Big Brother. Para as pessoas, aquilo era ‘pagar mico”, comentou. “A gente sempre escutava: ‘Ah, esses daí querem seus 15 minutos de fama’, e hoje ninguém fala mais disso, porque todo mundo tem rede social e está se expondo a todo momento”.

Segundo Passos, outra diferença entre os BBBs antigos e os novos é o fato de que hoje em dia “os fandoms decidem quem ganha”. Ou seja, ao invés da personalidade e do carisma dos participantes serem levados em consideração, tudo acaba se tornando uma batalha entre qual brother tem os fãs mais dedicados.

“Teve vencedores que você questiona: ‘Como essa pessoa ganhou o programa?’. Uma pessoa que muitas vezes não tem nenhum carisma, mas tinha um fandom forte com pessoas engajadas e dedicadas”, apontou ele.

“E por mais que isso também possa ser legal, eu prefiro à moda antiga, quando não tinha robô votando. Era uma coisa mais natural”, continuou o astro.

Após sua saída do programa, Alan Passos – que é formado em Engenharia Mecânica – seguiu carreira como modelo e DJ, mas acabou se tornando empresário e jogador profissional de futebol americano.

“De um tempo pra cá, eu tive a oportunidade de ingressar em um time e isso começou a fazer parte da minha vida”, afirmou. “Ao contrário do que muita gente pensa, tem muitos times no Brasil. Aqui em São Paulo deve ter mais de 100, tá crescendo bastante. Existe até um campeonato brasileiro”.

E em 2024, ele embarcou em uma nova jornada ao abrir um perfil na Privacy. “Você tem uma maior liberdade para poder explorar o que você quer e falar o que não falaria em outra rede social. Você também tem a oportunidade de ter mais contato com as pessoas que te seguem”, disse ele sobre a maior rede social de monetização de conteúdo da América Latina.

“Se aquelas pessoas estão ali [pagando] é porque elas realmente têm algum interesse em você”, concluiu. “Fica mais fácil de dar essa atenção, elas não estão te seguindo por seguir”.

Para conferir o papo completo com Alan, assista ao novo episódio de Na Cama com Renato, exclusivamente no perfil de @RenatoShippee na Privacy.

foto de perfil de gustavo neves author do pop cyber

Escrito por Gustavo Neves

Gustavo Neves é um jornalista experiente na cobertura de notícias nacionais e internacionais. Com uma paixão inabalável pela música, tem se destacado em diversas áreas. E-mail: [email protected]

Sarah Beatriz destaque do gospel estreia novo projeto POP CYBER

Sarah Beatriz, destaque do gospel, estreia novo projeto

MC Luanna e Ajuliacosta viram o jogo em novo single Piranha scaled POP CYBER

MC Luanna e Ajuliacosta viram o jogo em novo single, “Piranha”