Tommy Love e Ennzo Dias lançam versão de “Perigosa”, com vocais de Ella Nasser, em celebração ao orgulho LGBTQIA+

A releitura da música icônica de As Frenéticas traz uma sonoridade vibrante, marcando o mês da diversidade e visibilidade LGBTQIA+

Tommy Love e Ennzo Dias lançam versão de “Perigosa”, com vocais de Ella Nasser, em celebração ao orgulho LGBTQIA+
Ari Prensa

Os DJ’s Tommy Love e Ennzo Dias se preparam para lançar o single “Perigosa”, com participação especial de Ella Nasser nos vocais. A faixa, que chegará às plataformas digitais no dia 28 de junho, é uma versão da icônica música de “As Frenéticas”, e reafirma questões sobre empoderamento e visibilidade LGBT na música pop contemporânea.

Este single não poderia vir em momento mais oportuno. Tommy e Ennzo compartilharam sua motivação para a escolha deste projeto: “Nós decidimos fazer essa regravação no mês do orgulho LGBTQIA+”. A inclusão de Ella Nasser no projeto não é apenas um detalhe artístico, mas um ato de celebração e afirmação: “A Ella é uma cantora trans, e nada mais adequado do que chamá-la pra essa faixa e dar essa voz literalmente a quem é de direito nesse mês tão importante”, declaram os produtores. A música, também, segue a linha das últimas produções de Ennzo Dias, que tem se consolidado na cena tribal com releituras de faixas clássicas dos anos 80 e 90, como “Conga, Conga, Conga”, de Gretchen, “Gonna Make You Sweat (Everybody Dance Now)”, de C+C Music Factory, e “Macarena”, dos venezoelanos Los Del Rio.

Com uma sonoridade vibrante e moderna, “Perigosa” apresenta características típicas do estilo eletrônico contemporâneo. A faixa é marcada por batidas pulsantes, sintetizadores dinâmicos e uma linha de baixo envolvente, criando uma atmosfera energética e dançante. Em comparação com a versão original das Frenéticas, que é mais orgânica e carrega a marca do disco music dos anos 70 com instrumentos mais convencionais e um ritmo mais suave, a releitura de Tommy Love e Ennzo Dias adiciona uma camada eletrônica intensa, transformando a música em uma experiência auditiva mais acelerada e elétrica.



O lançamento deste single durante o mês do orgulho LGBTQIA+ ressalta a diversidade e inclusão na cena musical, e a importância de dar visibilidade e voz à comunidade. “Perigosa” é um manifesto de empoderamento e inclusão, trazendo uma nova interpretação a um clássico da música brasileira e destacando a importância do protagonismo trans em um momento tão significativo.

Com produtor de Vitor Kley e Luiza Possi, Sem Meia lança Agridoce

Com produtor de Vitor Kley e Luiza Possi, Sem Meia lança “Agridoce”

Screenshot

Adeline V. Lopez lança EP “i heard she’s crazy”