Space Animals lança “Ocean”, último single de “Travelling Bass”, EP de estreia do projeto

hjhj
Foto: Divulgação/Lavi Comunicação

Os músicos Rike Roncoletta e Julio Pires, também integrantes da banda de rock NDK, comemoram nesta sexta-feira (16), o lançamento de mais um single do “Space Animals” – projeto que une música instrumental, o amor pelos animais e uma energia espacial. “Ocean” é o sexto e último single do EP “Travelling Bass”, que chega completa nos apps de música até o final de 2022, e já está disponível em todas as plataformas digitais pelo selo musical Marã Música. Assim como as outras faixas já lançadas pelo Space Animals, “Ocean” também chega acompanhada de um videoclipe em animação representando um “animal no espaço” – neste caso, uma tartaruga. O clipe já pode ser assistido no canal oficial do projeto no YouTube.

“‘Ocean’ foi concebida quando criei esse loop de bateria que me lembra um pouco o drum n bass, e automaticamente após fazer a linha de bateria, já estava com a linha de baixo ecoando na cabeça”, conta o músico Julio Pires. “Após isso, a música foi nascendo naturalmente, com camadas de sons que remetem às outras cinco músicas do EP”, ele completa.

Este é o último single lançado do primeiro EP do Space Animals, “Travelling Bass”. As demais faixas, já disponíveis em todos os apps de música, são “Groove From Space”, “Apex”, “Journey”, “Jungle” e “Lullaby”.

“Ocean” chega representada pela tartaruga, animal que representa os oceanos, mares e águas em geral. “Também é um animal que representa a calma para as coisas, a tranquilidade, a experiência, a força”, acredita o músico Rike Roncoletta.

Toda a verba arrecadada com as execuções das músicas do Space Animals no streaming é doada a ONGs que atendem animais ao redor do mundo e a escolha de nomear o projeto e as faixas em inglês é uma tentativa de ser o mais universal possível, facilitando assim o acesso sem fronteiras e consequentemente a verba arrecadada.

Todas as músicas do projeto trazem um animal que a simboliza, que ilustra a capa do single e é a estrela do videoclipe, que é sempre em animação. Em “Groove From Space”, conhecemos um “animal do espaço” não identificado, que apresentou o projeto ao mundo. “Apex” chegou representada por um papagaio, “Journey” por um urso polar e “Jungle” por um macaco e “Lullaby” por um cachorro.

A produção das faixas lançadas pelo Space Animals está sendo inteiramente realizada pelos artistas Rike e Julio. Arquivos de áudios que já existiam foram somados com novas produções tocadas por Julio no baixo e teclado. Rike contribuiu também em algumas partes musicais e também ficou responsável por todo o trabalho burocrático.

jkjkjkjkj

Nina Fernandes chega ainda mais suave e segura em “Eu Posso Ser Quem Eu Quiser”

Encerrando 2022 num Tech House de primeira NATH e Pimpo Gama colaboram pela G Spot Records

Encerrando 2022 num Tech House de primeira, NATH e Pimpo Gama colaboram pela G-Spot Records