Connect with us

Música

“SONGS FOR THE REVOLUTION”: Marieme inspira sentimento de mudança em novo EP

Published

on

22SONGS FOR THE REVOLUTION22 Marieme inspira sentimento de mudança em novo EP

Chega em todas as plataformas digitais nesta sexta, 18, o EP “Songs For The Revolution”, da cantora americana-senegalesa Marieme, conhecida no Brasil pela relação próxima que tem com o país (amiga pessoal de nomes como Giovanna Ewbank, Bruno Gagliasso e Isis Valverde). “People” é o single carro-chefe do registro, com videoclipe indo ao ar simultaneamente. Com cinco faixas, o novo trabalho explora narrativas sociais, como questões feministas, desigualdade e união entre os povos. Assinam a produção do EP o italiano Michele Iorfida, que já trabalhou com Alicia Keys, e Kelly Rowland, além do frequente colaborador Davy Nathan (Jessie J, Toni Braxton).

“Cada música do EP tem um senso de urgência, mas de modos diferentes. Sinto que, juntas, as faixas tratam dos assuntos necessários para instalarmos uma revolução. Então essas músicas vem para ajudar na revolução social da qual a música sempre fez parte”, ela explica. É o caso de “People”, single que Marieme lança junto com o EP, que foi inspirada pelos protestos do movimento Black Lives Matter do ano passado, contra a violência policial. A letra é um chamado para que as pessoas unam suas forças e lutem pelo que acreditam. “Povo / Me digam, por que o amor acabou? / Temos que encontrar um caminho”, ela canta.

Sobre o single, Marieme comenta que espera que sua mensagem toque as pessoas positivamente e inspire um sentimento de mudança. “Todos os dias você está vivo e precisa lutar pelo mundo no qual você quer viver, e quero que as pessoas saibam que elas têm o poder. Somos o povo e o povo detém o poder. ‘People” é para o povo’”. Simultaneamente ao lançamento do EP, Marieme disponibiliza o vídeo de uma apresentação de “People”, com figurino assinado por Nicola Formichetti.

Além de “People”, o EP “Songs For The Revolution” vem com mais duas faixas inéditas: “Unity (feat. Meta and the Cornerstones)” e “Woman”. A primeira é uma parceria com um amigo e conterrâneo de Marieme, o senegalês Meta Dia, sobre a esperança e o otimismo necessários para alcançarmos nossos objetivos em tempos tão conturbados. Enquanto isso, “Woman” é um comentário sobre as diversas violências e desrespeitos que mulheres passam no dia-a-dia. As temáticas sociais e o chamado por mais empatia e amor nas nossas relações são ecoados nas outras duas faixas do EP, as já conhecidas “Love Now” – que entrou para a trilha sonora da série americana “Grey’s Anatomy” – e “Freedom”.

Todas as faixas foram compostas por Marieme, com produção assinada por Davy Nathan (‘Freedom’, ‘People’, ‘Unity’ e ‘Love Now’) e Michele Iorfida (‘Woman’). Essas canções, tanto em mensagem quanto em sonoridade, inspiram um sentimento de mudança. A cantora comenta que essa é uma atmosfera que ela associa bastante com o Brasil. “Minha canção “Be The Change” foi a que me apresentou ao público brasileiro e explora os mesmos assuntos do EP. Espero que gostem e espero que brasileiros encontrem paz interior enquanto lutam por igualdade. Não é fácil, mas vale a pena!”.

Além da música, o visual de “Songs For The Revolution” também impressiona. A capa foi feita pelo artista e autor Micah BlackLight, inspirada em trabalhos anteriores dele. Quando a Marieme viu o desenho original, ela perguntou se eu poderia recriar essa imagem usando a a sua figura. Eu concordei porque ela tem visuais gloriosos e porque eu senti que seria maravilhoso retratar uma mulher lindíssima e negra por meio desse olhar”, Micah explica.

NOVAS MÚSICAS EM SHOW ONLINE

No dia 24 de junho, uma semana após o lançamento do EP, Marieme comemora sua nova fase com uma live exclusiva, que contará com a participação da atriz e modelo Cara Delevingne na bateria e styling de Nicola Formichetti – frequente colaborador de Lady Gaga. O show deve contar com as músicas do novo trabalho, assim como singles previamente lançados, como a grandiosa “Love Now”. Brasileiros têm condições especiais na compra de ingressos para o show.

Marieme conheceu Cara Delevingne em um evento que tem tudo a ver com a mensagem de “Songs For The Revolution”: “Sou fã da Marieme desde que vi cantar em um dos protestos do Black Lives Matter. Quando Marieme canta, é possível ouvir a dor e a alegria, a esperança dentro da dor, é tudo isso de uma vez. Ela tem uma voz imperfeitamente perfeita, é lindo demais!”, Cara explica, lembrando que quase caía em lágrimas sempre que se reunia com Marieme para ensaiarem as músicas do show online. Marieme comemora a parceria: “Eu não tinha ideia de que ela era uma musicista tão talentosa também, ela toca guitarra, bateria, pianos, além de cantar. Fiquei chocada com seu talento, porque ela é muito humilde. Foi incrível e muito fácil trabalhar com ela. Essa não é a última vez que colaboramos, com certeza. Te amo, Cara!”.

Outro parceria que Marieme reprisa nesta nova fase é com o stylist japonês Nicola Formichetti – famoso por suas colaborações com Lady Gaga, inclusive nos videoclipes de “Bad Romance” e “Born This Way”. Nicola é um grande admirador do trabalho de Marieme e buscou, em seus figurinos para a live exclusiva, externar a forma com que ele enxerga a cantora. “Para os looks das performances, usei materiais e silhuetas não convencionais para criar um ar deusa de outro mundo para a Marieme, de modo a personificar a diva galáctica que ela é”, Nicola relembra.

Tracklist:

1. Freedom
2. People
3. Unity (feat. Meta and the Cornerstones)
4. Love Now
5. Woman

Jornalista, 23 anos, produtor de conteúdo, trabalho com marketing digital na indústria fonográfica. E-mail: [email protected]

Advertisement