Segundo Boninho, Drake mentiu sobre o cancelamento da transmissão de seu show no Rock in Rio

Quem acompanhou a saga que foi a passagem de Drake pelo Rock in Rio sabe que muita coisa teve de acontecer para que o rapper de fato pudesse colocar os pés no Palco Mundo da Cidade do Rock. Pouco antes de o festival começar, muito se falou que sua participação seria cancelada, o que de fato chegou a ser verdade, mas deixado de lado após o cachê de Drake ter sido aumentado em R$ 1 milhão.

Mesmo com a apresentação confirmada, uma outra questão ainda necessitava ser resolvida para que tudo saísse conforme o esperado: a transmissão do show. Em toda edição, o Rock In Rio é televisionado pela Multishow e outros canais da rede Globosat, mas para que isso aconteça é preciso que o artista dê permissão, o que não aconteceu no caso de Drake, que informou em seu Twitter que a transmissão não foi possível por conta da chuva que caiu ontem à noite.

Por mais que a justificativa tenha sido interpretada de modo negativo por parte dos fãs que não conseguiram assistir à apresentação do rapper, o assunto morreu pouco tempo depois. Agora, no entanto, tudo parece ganhar um novo cenário, já que Boninho, o diretor responsável por televisionar o festival, informou que Drake mentiu sobre o que teria causado o cancelamento da transmissão.

“Não é verdade! Vc pisou na bola por absoluta falta de respeito com o público Brasileiro. Muito antes da chuva, já não tinha liberado o show. Mandou seu light designer embora, deu piti geral. Simplesmente não quis liberar. Uma pena para seus fãs brasileiros”, disse Boninho na resposta que deu ao tweet de Drake sobre o cancelamento.

E Boninho não foi o único a rebater a justificativa do rapper, já que pouco tempo depois de sua publicação, a agência de fotografia Brazil News informou que as fotos oficiais que seriam tiradas no show também foram canceladas, mas desta vez sem qualquer motivo. Até mesmo a agência Getty Images, uma das mais prestigiadas do mundo, foi proibida de registrar a apresentação de Drake.

Em nota, a vice-presidente do festival disse ter sido pega de surpresa pela decisão de Drake, já que pouco antes tudo havia sido preparado e conforme as exigências estabelecidas pela equipe do rapper. “Estava combinado, o show ia ser transmitido. Não há nenhuma fantasia construída até aqui e, infelizmente, por algum motivo que não sabemos qual é, ele não quer”, disse Roberta Medina.

Gustavo Neves

Além de gerenciar o conteúdo internacional do portal, trabalho com marketing digital na indústria fonográfica com serviços prestados à gravadoras. E-mail: contato@portalpopcyber.com