Connect with us

Música

Salvador da Rima é solto em São Paulo

Avatar

Published

on

Salvador da Rima
Foto: Divulgação

Após ser preso por oficiais da polícia militar na tarde deste sábado (27), Salvador da Rima foi solto em São Paulo em meio a centenas de fãs que o esperavam. O Mc teve sua prisão filmada por amigos e familiares que acompanhavam as cenas de violência. Rodrigo GR6, sócio da GR6 Music, produtora responsável pelo artista, acionou o departamento jurídico para cuidar do caso.

No Instagram, além de agradecer aos seus fãs e seguidores, o Gabriel Salvador publicou um comentário feito por sua mãe na época das eleições. Na ocasião, tentavam convencê-la a votar em Jair Bolsonaro. Ao postar uma reprodução de tela com o texto, Gabriel Salvador pediu desculpas a sua mãe pelo constrangimento e reforçou os seus ideais de resistência.

Um comentário da minha mãe de 3 anos atrás quando tentaram convencer ela de que o Bolsonaro era uma boa opção. É véinha, acho incrível como não importa quanto tempo passe, exatamente tudo o que a senhora fala um dia acontece uma situação que demonstra como a senhora sempre teve razão. Me desculpe por fazer a senhora passar essa vergonha e esse desespero, muitas vezes me sinto culpado por ter escolhido o caminho que escolhi, mas a senhora sabe que eu desde pequeno sempre tive meus próprios ideais e nunca tive papas na língua, revolução não se faz do dia pra noite, mas o primeiro passo é a resistência.

Através do Instagram, o representante da GR6, anunciou a soltura do cantor e agradeceu aos advogados que cuidaram do assunto. “Boa noite Brasil. @salvadordarima já saiu da delegacia já se encontra em casa. Quero agradecer todo departamento jurídico da @gr6explodeoriginal mais uma página virada, seguimos”, escreveu.

Mais cedo, Rodrigo já havia tranquilizado os fãs e seguidores do artista. O empresário, sócio da GR6 music (GR6 Explode), emitiu um comunicado oficial e gravou um vídeo no final desta tarde. Em suas redes sociais, o dono da produtora garante que o MC está recebendo apoio jurídico da empresa e tranquilizou os fãs:

“Os nossos advogados estão lá, ele está bem, fazendo exame de corpo delito, vai ser escutado pelo delegado e nosso departamento jurídico está todo lá. Por enquanto, tá tudo bem. Só para a rapaziada que está ligando aí: nosso departamento tá do lado dele lá, já falaram com ele. Vocês vão saber mais no decorrer do tempo”, explicou Rodrigo.

Entenda o caso

Uma das maiores aposta da nova geração do hip-hop, Salvador da Rima foi preso por um grupo de policiais, na manhã deste sábado (27/02), na Zona Leste de São Paulo. O artista foi surpreendido pelos oficiais, ao ser retirado à força de dentro de casa, onde estava com amigos. Nas cenas de truculência registradas por MC Cebezinho, o rapper aparece sendo agredido.

Nas imagens que estão circulando nas redes sociais, é possível ver Salvador da Rima sendo empurrado com a camisa rasgada por diversas autoridades, enquanto amigos e sua namorada tentam defendê-lo, os quais também são agredidos. Ele é jogado em cima de capô de viatura, antes de ser detido pelos policiais. Ainda não se sabe o que motivou o prisão do rapper.

No Instagram, MC Cebezinho, que registrou todo acontecido, declarou: “Até quando vamos passar por isso? Até quando vamos sofrer esse tipo de opressão e retaliação? Somos artistas, levamos nosso sustento de forma digna sem atrasar ninguém e honestamente”, declarou.

Segundo o relato do MC, Salvador da Rima se preparava para ir ao bairro Paraisópolis, na Zona Sul de São Paulo, para disputar uma partida de futebol contra o time do amigo, MC BrinquedoEstava indo em um encontro com meu irmão Salvador pra jogar bola aqui no Paraisópolis contra os amigos do meu irmão @mcbrinquedo e quando chego aqui recebo a notícia que o @salvadordarima acaba de ser preso! Olha essa cenas lamentáveis mesmo, Deus tá com nós, irmão. Deus tá com você”, concluiu.

Advertisement