1. Home
  2. »
  3. Música
  4. »
  5. João Jardel faz...
in

João Jardel faz pretocore e macumba industrial em EP que testa limites entre o pop e o experimental

Este é um lançamento do selo Diáspora

Joao Jardel faz pretocore e macumba industrial em EP que testa limites entre o pop e o experimental POP CYBER
Assessorio de Imprensa

Misturando o que forma o popular e o antipopular, o que é inconsciente coletivo e experiências pessoais e a canção e o ruído, o artista mineiro João Jardel lança o EP “POP”. O experimental trabalho de pretocore e macumba industrial é feito para instigar, desde o seu nome.

“Explicar o ‘POP’ é tentar entender que, musicalmente e conceitualmente, tudo nasceu de um surto que mistura ideias, desconforto e luto. Pode parecer que esta é uma obra onde vou chorar várias coisas, tentar chamar atenção para outras e descrever outras mais. Mas, ao contrário do que parece, esse EP não é uma remontagem de autopiedade. Esse é o princípio do que virá a ser o ‘ANTIPOP’: uma figura confusa, debochada, extremamente irritada mas bem insegura, escondido atrás de impulsos digitais, uma certa bipolaridade e alguma revolta não tratada em terapia”, conta ele, que já trabalha em um segundo EP de contraponto a este lançamento.

João Jardel nasceu em Itabira e está imerso na música desde a adolescência, passando por projetos no rock alternativo e no indie folk, mas é com seu projeto solo onde ele apresenta uma expressão genuína de sua visão artística e de suas inquietações pessoais. O artista não tem medo de mergulhar em temas complexos e polêmicos, como evidenciado em seu trabalho anterior “Branco”, que abordou questões relacionadas ao racismo estrutural e recreativo.

Mais do que apenas uma experiência musical, “POP” parece ser uma provocação e apenas o começo de algo maior, um prenúncio do que está por vir.

O lançamento é uma aposta do selo Diáspora, projeto de Hugo Noguchi (Ventre, SLVDR) que pretende dar visibilidade para que artistas racializados se insiram de modo profissional no mercado musical, buscando descendentes das diásporas africana e asiática, bem como das internas brasileiras.

5pbg9b48FWmdhleVpSDsUJ 9WM8PpdFN3h11VbH 0BF4QC0e9hVaHWA7 RTLgfFFcPuSBkq1H3RD fqay7g4jD6iGrB0WA9yvAoqb 09O771KpLbn5wtCTPbZPGG95Ac3 WgEYuSKphOOhmfqWdS0 I POP CYBER
Crédito: Nirvi Viveiros
Coolritiba Falta um mes para Milky Chance Seu Jorge Lulu Santos e os maiores nomes da musica subirem ao palco no Festival Coolritiba POP CYBER

Coolritiba: Falta um mês para Milky Chance, Seu Jorge, Lulu Santos e os maiores nomes da música subirem ao palco no Festival Coolritiba

Matheus Fernandes lanca versao em forro do sucesso Amor Livre e1713471524374 POP CYBER

Matheus Fernandes lança versão em forró do sucesso “Amor Livre”