in

Gabe é único artista brasileiro no lineup do after party do Boris Brejcha no Greenvalley

Evento vai rolar logo após o show especial do astro alemão no Greenvalley

Gabe e unico artista brasileiro no lineup do after party do Boris Brejcha no Greenvalley POP CYBER
(Foto: Boreal Agency)

O rolê é sério mesmo! Gabe será o único artista nacional convidado a participar da FCKNG SERIOUS, after party oficial do Boris Brejcha in Concert em Camboriú/SC. O evento rola neste sábado, (16), a partir das 02h, no Greenvalley, logo depois da apresentação de Boris na casa.

“É uma honra ser convidado para o after oficial do Boris Brejcha in Concert. Vamos fazer história no Greenvalley, club que tenho um carinho enorme. Ainda mais, por ser o único brasileiro ao lado desses gigantes no lineup. Vai ser foda! Vejo vocês no front!”, declarou o DJ brasileiro.

Juntam-se a ele três conterrâneos de Brejcha — os alemães Moritz Hofbauer (02h–03h30), Ann Clue (03h30-05h) e Deniz Bull (05h-06h30). Gabe fará um closing set, assumindo a cabine a partir das 06h30.

Trazendo uma visão única, diferenciada e intimista do misterioso DJ, o Boris Brejcha in Concert está rodando o mundo, e vem com dois shows ao Brasil. Antes do Greenvalley, no dia 16, ele rola na sexta-feira (15), na São Paulo Expo.

Sobre Gabe

Gabe é uma verdadeira lenda brasileira. Sem espaço para exageros, trata-se de um dos melhores produtores nacionais, com a carreira mais sólida e regular dos últimos 20 anos. Do tech-house ao techno, seu maior gol foi manter os olhos e sua sonoridade no futuro, formando opinião, ditando tendências e conquistando o coração de várias gerações.

Vivendo sua fase mais intensa, como uma espécie de “coringa” na cena brasileira, ele continua a lançar e a tocar suas chineladas, visitando e revisitando festivais como XXXperience, Tribe, Só Track Boa, Rock in Rio e Ultra Music Festival, gigs no exterior, além de ter lançado sua própria festa, Gabe All Night Long, e sua própria gravadora, a G-Spot Records. Nos últimos anos, lançou por selos como Repopulate Mars (de Lee Foss), Hottrax (de Jamie Jones), Solotoko (de Sonny Fodera), Blackbook (de Chris Lake) e a gigante Spinnin’ Deep.

O artista produziu faixas com nomes como Vintage Culture, Gordo (ex-Carnage), Marco Strous, Illusionize e D-Nox, fez gigs históricas, esgotou ingressos e destilou suas “cotoveladas” nos clubs mais conceituados do país. Segue o tio!

Depois do after do Carl Cox D EDGE Rio tera aberturas no Natal e Pre Reveillon confira a programacao POP CYBER

Depois do after do Carl Cox, D-EDGE Rio terá aberturas no Natal e Pré-Réveillon: confira a programação

ALEX SILVA FOTOGRAFE 86 scaled POP CYBER

Eduardo Costa lança o Super App RepMov Brasil