Conectando gerações, Wrecked Machines une a história com a renovação da cena de psytrance no Brasil este sábado no Laroc

Wrecked Machines vem ativamente participando da renovação e amplificação do gênero musical

Conectando gerações, Wrecked Machines une a história com a renovação da cena de psytrance no Brasil este sábado no Laroc
Foto: @timetravelers.art

Passando pelos maiores eventos da atualidade e com agenda aquecida, Wrecked Machines se prepara para vir com tudo ao Laroc Club como uma das grandes atrações da segunda edição da Spektrum — festa criada justamente para dar espaço ao trance psicodélico —, que rola na badalada casa de Valinhos/SP no próximo dia 13, sábado. Com ingressos esgotados, o line up traz também os israelenses Astrix e Captain Hook, bem como os brasileiros Cosmonet, Du Serena x Human Heart, Vermont e D-Stroyer.

Há 25 anos, Wrecked Machines começava sua jornada na música eletrônica brasileira com pioneirismo no psytrance, onde chegou a ser um dos primeiros do país a figurar no Top 100 da DJ Mag. Com hits como “Music in U”, “​​Rubberneck” e o clássico remix para “Enjoy the Silence”, do Depeche Mode, assinado pelo Growling Machines (fusão do Wrecked Machines com o famoso duo holandês GMS), chegou ao sucesso internacional, inspirando e abrindo portas para inúmeros outros DJs e produtores do país.

Em 2023, o Wrecked Machines retomou seu legado na cena psytrance com um grande retorno, entregando aos fãs apresentações memoráveis em alguns dos principais festivais do país, como Universo Paralello. Este ano passou por eventos como Ame Laroc Festival e Mundo de Oz Festival — gig esta que foi tão comovente que levou geral às lágrimas na pista.

Em 2024, o projeto não apenas vê, como também toma parte no retorno do psytrance — gênero que ressurgiu com tanta força que, para além das tradicionais raves, vem ganhando espaço também em casas noturnas de grande porte, como o próprio Laroc, e em festivais como o Tomorrowland Brasil (onde, por sinal, o WM está confirmado para retornar depois de oito anos).

O artista é uma das peças fundamentais deste momento histórico da expansão do estilo, onde conecta o seu legado e leva suas raízes para público da nova geração da cena eletrônica, que tem prestigiado cada vez mais o seu trabalho.

Com passagens marcantes também por eventos como Festival Yanomami, Mandallah, Soulvision Festival, Tribe, XXXperience, Ultra Brasil e Rock in Rio, o Wrecked Machines está de volta com toda a energia em 2024.

Mais sobre Wrecked Machines

Celebrado como precursor do psytrance do Brasil, o Wrecked Machines foi o primeiro projeto artístico de Gabe, um dos maiores e mais respeitados DJs e produtores brasileiros.

Criado em 1999, o WM abriu inúmeras portas no país, que tinha uma cena eletrônica ainda engatinhando, e lançou hits como “Music in U”, “​​Rubberneck” e o clássico remix para “Enjoy the Silence”, do Depeche Mode, assinado pelo Growling Machines (fusão do Wrecked Machines com o famoso duo holandês GMS), que o levaram ao sucesso internacional.

Em 2006, chegou a figurar no Top 100 da DJ Mag, no 55º lugar, tornando-se um dos primeiros brasileiros a pintar no ranking.

Com presença constante no line-up do Universo Paralello desde sua primeira edição e passagens marcantes por eventos como Mandallah, Soulvision Festival, Tribe, XXXperience, Ultra Brasil e Rock in Rio, Wrecked Machines está de volta com toda a energia em 2024.

‘Surreal Tour’ promete experiência única em Ponta Grossa

‘Surreal Tour’ promete experiência única em Ponta Grossa

Reforçando a autoestima da mulher preta, Torya lança EP “Nega Doce”

Reforçando a autoestima da mulher preta, Torya lança EP “Nega Doce”