1. Home
  2. »
  3. Reality
  4. »
  5. BBB 23 sofre...
in

BBB 23 sofre com audiência 20% menor que da edição anterior e preocupa Globo

BBB 23 sofre com audiencia 20 menor que da edicao anterior e preocupa Globo POP CYBER
Fonte: Unsplash

A estreia do Big Brother Brasil 23 não foi como a Rede Globo esperava, principalmente depois do sucesso que viu na edição do ano passado. No episódio de estreia, a audiência patinou e ficou entre as piores de toda a história do programa. Números que se mantiveram ruins no decorrer das semanas, e agora causam preocupações por conta do impacto no futuro. Essa edição conseguiu bons contratos comerciais, mas isso pode não se repetir na próxima edição, afinal a audiência não é mais a mesma.

Somente em São Paulo, no episódio de estreia, o BBB 23 anotou 22,4 pontos de média na audiência. Um número ruim que representa uma queda de quase 20% em comparação com a edição anterior. É difícil entender o motivo desse desempenho, pois cada programa tem suas próprias peculiaridades. Por exemplo, em 2022, o “confronto” entre Arthur Aguiar e Jade Picon chamou o público para acompanhar o programa. Isso não aconteceu nas primeiras semanas deste atual.

Enquanto Arthur sempre esteve isolado como um dos favoritos para vencer o programa, agora a situação é mais equilibrada. As cotações do Mr. Jack Bet, site de apostas esportivas online, mostram isso. Essa plataforma possui uma cobertura completa de vários esportes diferentes, e também de programas especiais, como no caso do Big Brother Brasil. Por lá, é possível apostar em vários resultados do programa, desde o próximo eliminado até o provável campeão. Por enquanto, cinco participantes aparecem entre os principais favoritos para vencer.

Fred Carneiro, Larissa Santos e Gustavo Benedeti são alguns dos nomes mais cotados nas apostas para vencer a edição 23 do BBB. Isso mostra que o programa está bem diferente da edição anterior, por isso a audiência não é a mesma. Algo que pode mudar de repente, sobretudo com algumas desavenças na casa, mas não é certo. A Rede Globo deve estar preocupada com isso, pois um resultado ruim pode ameaçar o futuro de um dos programas mais rentáveis da emissora.

Comercialmente bem

Apesar da audiência ruim, o BBB 23 conseguiu bons resultados no âmbito comercial. O programa atingiu uma receita de R$ 1 bilhão com patrocinadores, mesmo com a saída de última hora da Americanas. Ou seja, mesmo com a queda de 20%, ainda é um programa essencial para as contas da Rede Globo. Além disso, ainda existem outras receitas que vão surgir conforme o programa avança. Isso faz da edição inquestionável, mas com um problema para o futuro.

O principal motivo do sucesso comercial é a audiência registrada no BBB 22. Essa é uma informação preocupante, pois a edição do próximo ano pode sofrer com o fracasso da atual. É por isso que a emissora deve tentar fazer de tudo para reforçar a importância do programa nas próximas semanas. Os números de audiência são essenciais para o futuro, assim como aconteceu agora.

Um dos principais desafios é que esse sucesso não depende apenas da Globo, mas também dos participantes. Se não for criada uma situação semelhante com a que aconteceu na edição de 2022, é difícil imaginar que o Big Brother Brasil vai conseguir bons índices de audiência até o final dos próximos meses. Os produtores vão precisar se reinventar para conseguir algo próximo disso, pois apenas uma edição com casais complicados não parece ser o suficiente.

De olho no futuro

Enquanto o BBB 23 patina na audiência, os produtores do programa sonham em expandir o programa para o meio digital cada vez mais. A presença nas redes sociais é algo consolidado, então a ideia é partir para o metaverso. Boninho, principal executivo do programa, comentou isso em entrevista recente. “Acho que daqui a dez anos teremos um BBB no mundo real e outro no metaverso.” Resta saber se isso realmente vai funcionar.

A internet foi essencial para reviver o Big Brother Brasil, que passou alguns anos com a audiência ruim. Com a presença de celebridades, com o camarote, foi possível ter uma maior movimentação no Instagram, no Twitter e em outras redes. Ou seja, o olhar realmente precisa ser no futuro, então Boninho pode estar certo novamente ao apostar no metaverso.

No entanto, o foco nos próximos meses deve ser nos participantes da edição atual. O programa ainda não decolou, e isso é uma dor de cabeça que a Globo não gostaria de ter por agora. A boa notícia é que ainda existe tempo para mudar isso.

The Town 2023 POP CYBER

The Town 2023 apresenta Factory, um palco que propõe um encontro da arte com a vida

BLOCO CHA DA ALICE EM SAO PAULO e1675889355877 POP CYBER

BLOCO CHÁ DA ALICE EM SÃO PAULO: Juliette participa pela primeira vez de um bloco em um trio elétrico