Tempo”: Julia Freitas lança seu reflexivo EP de estreia trazendo à tona o diálogo entre o passado e o futuro

A cantora, compositora e atriz paulista Julia Freitas vive da arte desde que se entende por gente. Apesar de publicitária de formação, começou a atuar desde pequena e também nunca deixou de esconder sua paixão por música. Com o tempo, teve aulas, estudou e começou a escrever suas próprias canções. De repente, já estava lançando seus primeiros singles. Cinco dessas músicas, divulgadas 2018, se juntam agora na narrativa sólida de Tempo, o seu primeiro EP.

Com produção de Jeff Pina, o lançamento conta com cinco faixas que ilustram muito bem a sonoridade de Julia, em um pop leve e essencialmente acústico que dá destaque para a sua voz melódica, que sempre chama a atenção de quem a vê cantar. “Me descobri profissionalmente na música. Investi muito nisso e sabia que estava no caminho certo porque era sempre elogiada. No coral, sempre ganhava solos. Essas coisas me motivaram muito a escrever”, conta a cantora, que é basicamente uma compositora autodidata e que propõe para suas músicas um som simples e, ao mesmo tempo, poético, inspirado principalmente na cena “good vibes” de nomes como AnaVitória e Tiago Iorc. Agregando ainda mais valor para o material, cada música conta com seu próprio clipe, que é sempre interligado de alguma forma ao vídeo anterior.

O EP começa com “Navegantes de Mares”, música que fala sobre antepassados e que conta com uma letra forte e de fácil identificação. Sobre essa faixa, Julia lembra que ficou impactada ao ler o depoimento de uma ouvinte através das redes sociais. “Eu não tinha falado com clareza sobre quem de fato eram esses navegantes até então, mas essa seguidora entendeu o recado. Ela teve um aborto e associou a letra ao filho que ela não teve a oportunidade de conhecer. Essa história e a maneira pela qual a música chegou a ela foram muito emocionantes para mim”, explica.

Dando continuidade, a tracklist vai para “Passou a Vida”, canção que fala sobre pessoas que, presas ao passado, deixam de dar a devida atenção para o presente e para o futuro. Na sequência, vem “Um Dia”, em que o eu-lírico, finalmente desprendendo-se do passado, assume a vontade de mudar e começa a ir atrás disso.

Compondo com Zeus”, a faixa que vem depois, retoma a questão das memórias, mas com um viés de autossuficiência e reflexão. E, para finalizar com chave de ouro, temos “Sinta a Vida”, uma composição com referência rítmica do flamenco e o single mais recente de toda a obra. “Sinta o presente como uma porta aberta”, retrata o refrão, concluindo uma narrativa cuja mensagem, basicamente atemporal, é a de que temos que encarar o passado com carinho e respeito, usando-o como aprendizado no presente para ser sinônimo de conquista no futuro.

SOBRE JULIA FREITAS

A paulista Julia Freitas é uma cantora, atriz e dançarina com um interessantíssimo projeto artístico. Compositora autodidata, estudou canto (na Escola de Música de Piracicaba Maestro Ernst Mahle, em Piracicaba, e no Conservatório Musical Ernesto Nazareth, em São Paulo) e atuou pela Escola de Atores Wolf Maia e pelo Estúdio Fátima Toledo. Atualmente, ela segue aperfeiçoando seu talento vocal sob a mentoria do influente professor Wilson Gava.

Começando a carreira como atriz, Julia já participou de nove peças de teatro e três webséries, além de diversas publicidades e o papel da personagem Virgem da série Animal, do canal GNT. Tudo isso a levou a se aventurar também na música, mundo no qual entrou através de corais de canto, experiências em bandas e até de sua participação no programa Ídolos. Ela lançou diversos singles ao longo dos anos e tem ampliado seu público das maneiras mais diversas, como se apresentando em casamentos e fazendo serenatas. Atualmente, divulga o seu EP de estreia, intitulado Tempo.

“Dizem que minha voz é calma e traz alegria”, diz a bio da cantora em seu Instagram, seguido hoje por mais de 10 mil pessoas.

 

Written by Redação

Trazemos diariamente conteúdo original e informativo para o público que quer acompanhar, em tempo real, os acontecimentos no cenário do entretenimento nacional e internacional.

Saiba quem é Lohran Schmidt, founder da Desinchá

Inspirados por 22Star Trek22 Evoxx e Sir Vibe lançam a dançante potente e melódica 22Space 922

Inspirados por “Star Trek”, Evoxx e Sir Vibe lançam a dançante, potente e melódica “Space 9”