Conecte-se conosco

Música

Taylor Swift remove seus álbuns antigos da Big Machine de sua playlist oficial no Spotify

Publicado

em

taylor swift 6 albuns e1608141064956

Taylor Swift removeu seus seis primeiros álbuns, lançados pela Big Machine Records do Spotify. A cantora sinalizou isso para os fãs nesta quarta (16/12), ao retirar todas as músicas de seus seis primeiros discos da playlist oficial “Taylor Swift Complete Collection”.

A playlist agora conta apenas com 90 músicas – todas de sua fase pós-Big Machine Records. São só os álbuns e canções lançados desde que ela assinou com a Republic Records, em 2018.

Swift saiu da Big Machine Records e não teve direito de comprar os direitos de suas “masters”. Com isso, ela tem os direitos autorais de suas músicas, mas os direitos fonográficos ficaram com a gravadora – que foi vendida para o empresário Scooter Braun.

Mais recentemente, Braun vendeu o catálogo da Taylor para outra empresa por cerca de R$ 1 bilhão. Taylor teve a chance de adquirir de volta os direitos, por intermédio dessa empresa, mas pôs fim à negociação quando descobriu que Scooter Braun continuaria lucrando com seu trabalho. Ela não quer que ele ganhe nada às suas custas.

Sendo assim, a cantora Taylor Swift decidiu regravar todas as músicas de seus seis primeiros álbuns. O pedido aos fãs é que passem a ouvir as regravações, em vez dos álbuns originais nas plataformas digitais. Assim, não ajudam a enriquecer as pessoas que ela não suporta.

Pela retirada dos álbuns originais da playlist Taylor Swift Complete Collection, não deve demorar muito para que a cantora lance as regravações. Taylor, inclusive, já liberou uma amostra da regravação de “Love Story” em uma publicidade de TV criada pelo amigo Ryan Reynolds.

Trazemos diariamente conteúdo original e informativo para o público que quer acompanhar, em tempo real, os acontecimentos no cenário do entretenimento nacional e internacional.

Publicidade