Connect with us

Música

Resenha: A História Do Brasil Para Quem Tem Pressa

Avatar

Published

on

A historia do Brasil em apenas 200 paginas: Você já se perguntou, o porquê do país estar nessa situação? Essa pergunta deve ter habitado a mente de muitos brasileiros. O fato é, que essa realidade não foi gerado do nada e sim por causa de vários acontecimentos que acabaram se tornando uma bola de neve gigantesca. A História do Brasil Para Quem tem Pressa, tem a premissa de por meio de 200 paginas apresentar os momentos fundamentais para o nosso país. O livro cumpri com sua proposta de trazer uma leitura rápida e objetiva, de forma imparcial

Advertisements

Fomos totalmente surpreendidos com a forma simples, completa e acessível que o Marcos Costa percorre o livro “A História Do Brasil Para Quem Tem Pressa“. Está recheado de “curiosidades” e sua forma clara, crítica e ilustrada nos transporta ao longo dos anos.

Advertisements

Apresentado na 3ª pessoa, está dividido em 4 capítulos que à partir do ano de 1453 retrata os fatos desde a expansão comercial e marítima até o escândalo da Petrobras e mensalão que ainda assolam nosso país.

Resultado de imagem para A História do Brasil pra quem tem pressa

Não se trata de um livro didático, e retira totalmente aquele cunho romântico que a maioria dos professores gostam de nos apresentar sobre o Descobrimento, a Proclamação da República e o fim da Ditadura Militar.. o livro transmite a ideia de que desde sempre a História do Brasil é repleta de “interesses”, “jogo de poder”, “dívidas”, monopólios, entre outras tantas.

Advertisements
Advertisements

A capa contém vários rostos conhecidos que, mesmo se você não lembrar ou souber o nome, vai reconhecer de alguma forma. O miolo é impresso em folha branca, que gostamos muito, e traz mais ilustrações.

“A História do Brasil Para Quem Tem Pressa” é um livro que merece ser lido por aqueles que adoram história ou pretendem conhecer melhor a história do Brasil. Alias, é um livro que deve ser lido por todos, pois conhecer a história do país onde se vive, é um direito da população. O conhecimento nunca é demais!

Imagem relacionada

 

 

Advertisements

Jornalista, 23 anos, produtor de conteúdo, trabalho com marketing digital na indústria fonográfica. E-mail: [email protected]

Advertisements