Connect with us

Música

Primeira parte do álbum do Ferrugem apresenta inéditas, clássicos do samba e do pagode, além de participações especiais

Published

on

Ferrugem
(Foto: Divulgação)

Um dos maiores projetos de pagode da internet está de volta com a sua segunda edição. Trazendo o sol e a vista deslumbrante do Mirante Dona Marta, a primeira parte de “Ferrugem Em Casa” chega a todos os tocadores digitais e com o audiovisual no YouTube nesta sexta-feira, dia 26 de novembro. A gravação é um grande convite aos fãs de música de todo o Brasil para se jogarem no ambiente irreverente típico da capital carioca.

A primeira parte do álbum conta com 13 faixas, entre músicas inéditas – como “Coração Na Mão” – e releituras de clássicos do samba e do pagode – como “Oyá”, “Será Que É Amor”, e “Agora Viu Que Me Perdeu e Chora”. O single “É Dor Que Não Passa”, lançado em outubro deste ano, é a faixa de abertura.

As participações de artistas prestigiados trazem um tempero ainda mais especial ao projeto. Na música “Cadência”, Ferrugem divide a canção com Xande de Pilares, e em “Rosa Marrom”, mostrando toda a sua versatilidade, o anfitrião recebe a companhia de Vitão e Rael.

O pout-pourri Até Que Enfim/Pra Você Acreditar/Paciência, sucessos consagrados na voz de Ferrugem, também estão no repertório, que foi escolhido de forma minuciosa. “Estou muito feliz com o resultado desse trabalho, que tem a minha cara. O Ferrugem Em Casa mostra como me sinto à vontade neste ambiente do samba, do pagode, no Rio de Janeiro… E, claro, sempre com muita música e recebendo amigos para desfrutar desse momento comigo. Estava ansioso para compartilhar tudo isso com o público”.

Por fim, a canção “Pai De Menina”, em que o artista homenageia as três filhas, recebendo, inclusive, uma delas no palco, foi a faixa escolhida para fechar o álbum, coroando com ternura o mais novo projeto do cantor.

Advertisement