Connect with us

Famosos

Polícia cumpre mandado de busca e apreensão nas casas de Salvador da Rima, Brinquedo, Pedrinho e Hariel

Avatar

Published

on

mc pedrinho hariel 750x375 1
Foto: Divulgação

Na manhã desta quinta-feira (25) a polícia de São Paulo deu iniciu a uma operação para investigar o suposto envolvimento de cantores de rap e funk com o crime organizado. Os nomes de Hariel, Mc Brinquedo, Pedrinho e Salvador da Rima estão na lista de suspeitos da polícia.

A polícia investiga shows que são supostamente financiado por traficantes, ligação dos artistas com o tráfico de drogas e até mesmo lavagem de dinheiro. Não foram emitidos mandados de prisão contra os artistas, mas mandados dde busca e apreensão foram realizados nas casas dos artistas na capital, Grande São Paulo e litoral paulista.

Segundo o site SBT, drogas e armas foram apreendidas pela polícia, além de computadores, caixas de som e documentos que posam comprovar de alguma forma o suposto envolvimento dos artistas com facções criminosas. Mc Pedrinho e Hariel foram flagrados sendo conduzido para a delegacia.

No começo de março, a Polícia do Rio de Janeiro pediu a prisão de Negão da BL, Mc Poze e mais 12 artistas por realização de bailes funk na pandemia. As delegacias de Repressão aos Crimes de Informática e de Combate às Drogas da Polícia Civil identificaram e pediram a prisão de 14 artistas que cantaram em bailes funks durante o carnaval no Rio de Janeiro. Entre eles estão os nomes de artistas como Negão da BL, MC Poze e DJ Markinho do Jaca. Segundo a polícia, eles são acusados de crimes de infração de medida sanitária preventiva, epidemia e associação ao tráfico de drogas.

Segundo a polícia, os acusados descumpriram decretos municipais e estaduais que determinam a suspensão de atividades que envolvam aglomeração de pessoas, além de desrespeitar a Lei do Silêncio e tocar músicas que fazem apologia ao crime.

Fonte: Rap+

Advertisement