Connect with us

Famosos

Paulo Gustavo não morreu; ator é vítima de fake news

Published

on

morre paulo gustavo vitima covid 19
(Foto: Divulgação)

Notícias falsas sobre morte do ator Paulo Gustavo por Covid-19 estavam circulando pelas redes sociais. O ator está hospitalizado no Rio em decorrência da covid-19, ele precisou ser intubado, segundo confirmou sua assessoria de imprensa. O estado de saúde do humorista se agravou nesta sexta-feira (2). O humorista está internado em estado grave na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital no Rio de Janeiro desde o dia 13 de março com Covid-19. Desde o dia 21 de março, ele também estava respirando com ajuda de ventilação mecânica, ou seja, intubado. De acordo com comunicado enviado à imprensa pela equipe dele, ele chegou a apresentar sinais de melhora, mas acabou tendo um agravamento no quadro clínico.

De acordo com a revista Veja Rio, nesta segunda-feira (3), Paulo Gustavo teve uma piora significativa em seu quadro nas últimas horas por conta de uma embolia pulmonar e está em estado grave. A equipe médica do Hospital Copa Star, no Rio de Janeiro, detectou uma fístula broncovenosa, que nada mais é do que uma abertura entre os pulmões e as veias. Isso faz com que bolhas de ar entrem na corrente sanguínea, causando uma embolia, insuficiência cardíaca e lesões cerebrais.

Após “nova fístula bronco-pleural”, Paulo Gustavo passa por novo tratamento

Paulo Gustavo foi submetido a um novo procedimento no tratamento contra o coronavírus para corrigir o aparecimento de uma “nova fístula bronco-pleural“, o artista de 42 anos está intubado em um hospital do Rio, em decorrência de complicações da Covid-19. Internado desde o dia 13 de março, Paulo foi submetido há cinco dias a uma “a uma toracoscopia para correção de uma fístula bronco-pleural”, visando melhor recuperação da função pulmonar.

O que é fístula bronco-pleural?

Fístulas broncopleurais representam, grosso modo, uma comunicação anormal entre os brônquios e a pleura, membrana que reveste os pulmões, o que ocasiona uma passagem de ar incorreta no organismo. Em linguagem resumida, quando há a detecção de uma fístula bronco-pleural significa que foi identificado, no paciente, um vazamento de ar dos brônquios para a pleura, local no corpo onde não deve haver ar.

O ator estava respirando com a ajuda de ECMO (oxigenação por membrana extracorpórea), equipamento que age como um pulmão artificial e oxigena o sangue fora do corpo. Ele é usado, normalmente, apenas em pacientes muito graves, quando nem a ventilação mecânica, nem a pronagem estão dando conta. A equipe médica que está atendendo ao humorista diz que foi um reajuste terapêutico para ajudar a combater a doença. “Optamos pelo início da terapia coadjuvante com ECMO, com o objetivo de permitir uma melhor recuperação da função pulmonar”, afirmaram os profissionais em nota. “Após o agravamento ocorrido, a situação permanece estável nas últimas horas.”

 

Jornalista, 23 anos, produtor de conteúdo, trabalho com marketing digital na indústria fonográfica. E-mail: [email protected]

Advertisement