Connect with us
[the_ad id="42828"]

Música

“Pare de tocar minha música”, diz Brendon Urie do Panic! at the Disco para Donald Trump

Avatar

Published

on

Brendon Urie do Panic! at the Disco se juntou à lista de artistas que pedem a Donald Trump que pare de tocar suas músicas em seus comícios, solicitando que “High Hopes” seja removido da lista de reprodução do presidente. Urie postou seu pedido no Twitter na noite de terça-feira (23 de junho), endereçando uma nota à campanha de Trump depois que “Hopes” teria sido explodido na arena meio vazia durante o comício de Tulsa no fim de semana passado.

Advertisements

“Caro Campanha Trump, foda-se. Você não está convidado. Pare de tocar minha música”, escreveu Urie. “Não, obrigado.” Posteriormente, Urie acrescentou: “Caro todo mundo, Donald Trump não representa nada que defendemos. A maior esperança que temos é votar este monstro em novembro”, seguido de um link para o site do HeadCount que incentiva o registro de eleitores.

Advertisements

O apelo de quatro letras de Urie vem logo após a ação da família de Tom Petty , que divulgou um comunicado logo após o evento muito badalado e pouco frequentado, criticando Trump por interpretar o falecido roqueiro “I Won’t Back Down” em Tulsa, que foi acompanhado por um aviso de cessar e desistir.

Advertisements

Jornalista, 23 anos, produtor de conteúdo, trabalho com marketing digital na indústria fonográfica. E-mail: [email protected]

Advertisements