“n era amor” é o novo single da estrela pop em ascensão, Ariah

Faixa confessional chega às plataformas dia 15 de julho

 Ícone da geração Z, a cantora e creator Ariah prepara o lançamento de sua mais nova faixa de trabalho “n era amor”. Ouça aquihttps://sndo.ffm.to/neraamor .

Após o grande sucesso da faixa “Máscara”, Ariah torna a falar sobre relacionamentos tóxicos, mas de uma perspectiva muito mais íntima e pessoal, questionando o sentimento de disputa, ciúmes, estranheza e confusão que são despertados nela, ao ver seu objeto de afeição com outra.

A atual faixa de trabalho da cantora é uma das maiores apostas de sua carreira.

“‘n era amor’ é uma das canções em que coloquei muito de minha verdade. Tanto na letra quantos nos arranjos vocais, tem muito da minha vida e influências ali.”

Apesar de a faixa começar com uma frase inocente, a letra revela um pesado fim de relacionamento e é sobre a vontade física que resiste à racionalidade.

A paixão pela música e cuidado colocado em cada detalhe de suas canções, permitiu a Ariah entregar uma canção com muitas camadas vocais e de produção. Tudo isso foi possibilitado, graças à sua parceria com o produtor musical Marmitt.

Um dos maiores segredos para o refinamento da arte da moça de cabelo preto, pink e roxo, é a relação de confiança entre os artistas e um olhar voltado para o desenvolvimento de criações musicais de primeira linha.

No dia 19 de junho, Ariah, que é bissexual, realizou o sonho de se apresentar na Parada do Orgulho LGBTQIA+, em São Paulo. A artista pode celebrar a comunidade a qual pertence com muita música e vida, no trio Diversidade Bissexual, que dividiu com o cantor Brunelli.

Com mais lançamentos programados para o segundo semestre de 2022, Ariah se divide entre seus compromissos musicais e as atividades do programa de aceleração de carreiras GENERATION NXT, da plataforma de vídeos, TikTok.

Sertanejo gato Matheus Gabriel é preso durante festa em mansão

Tim Baresko e G. Felix produzem pela primeira vez juntos e lançam 22Come Here22

Tim Baresko e G. Felix produzem pela primeira vez juntos e lançam “Come Here”