in

Miley Cyrus apresenta ‘The Climb’ e ‘No Freedom’ no Jimmy Fallon

1 pop cyber purple POP CYBER
(Foto: POP CYBER)

Presença diária durante toda essa semana, Miley Cyrus preparou uma pequena surpresa durante sua participação no talk show de Jimmy Fallon ontem à noite, 2.

Dedicada as vítimas do atentado em Las Vegas no último domingo, Miley cantou, pela primeira vez em seis anos, o seu grande hit ‘The Climb’ – e acompanhada de Adam Sandler, outro convidado da noite, apresentou um cover de ‘No Freedom’, da britânica Dido.

Assista:

Sobre Miley Cyrus:

Miley Cyrus ganhou destaque inicialmente ao interpretar a personagem Miley Stewart na série de televisão do Disney Channel chamada “Hannah Montana” (2006-2011). O programa foi um grande sucesso e ajudou a lançar sua carreira musical. Miley interpretava uma adolescente com uma vida dupla, sendo uma estudante comum durante o dia e uma estrela pop famosa, Hannah Montana, à noite.

Após o sucesso de “Hannah Montana”, Miley decidiu se afastar da imagem da personagem e buscar uma carreira mais madura e diversificada. Ela lançou seu primeiro álbum de estúdio solo, intitulado “Breakout”, em 2008, que apresentava um som pop-rock mais adulto. O álbum foi bem recebido e alcançou sucesso comercial, impulsionado pelo single “7 Things”.

Em 2010, Miley Cyrus lançou o álbum “Can’t Be Tamed”, que mostrou uma abordagem mais ousada e provocativa. Ela começou a se distanciar de sua imagem da Disney e adotou um estilo mais rebelde e sexualmente expressivo. O álbum recebeu críticas mistas, mas marcou a transição de Miley para uma nova fase de sua carreira.

No entanto, foi com o lançamento de seu álbum “Bangerz” em 2013 que Miley Cyrus causou um grande impacto na cultura pop. O álbum apresentava uma mistura de estilos musicais, incluindo pop, hip-hop e música eletrônica. O single “Wrecking Ball” se tornou um grande sucesso e o videoclipe polêmico gerou muita controvérsia e atenção da mídia.

Após o sucesso de “Bangerz”, Miley continuou a experimentar em sua música e imagem. Ela lançou os álbuns “Miley Cyrus & Her Dead Petz” (2015), “Younger Now” (2017) e “Plastic Hearts” (2020). “Plastic Hearts” marcou um retorno ao estilo pop-rock de suas raízes, com influências do rock dos anos 80 e 90. O álbum foi aclamado pela crítica e incluiu colaborações com artistas como Billy Idol e Joan Jett.

Além de sua carreira musical, Miley Cyrus também tem se envolvido em causas sociais e humanitárias. Ela é conhecida por seu ativismo em defesa dos direitos dos jovens sem-teto, LGBTQ+ e animais. Ela fundou a organização sem fins lucrativos “The Happy Hippie Foundation” em 2014, que apoia jovens em situação de vulnerabilidade.

Em resumo, Miley Cyrus é uma artista talentosa e versátil que passou por uma evolução notável ao longo de sua carreira. Sua música e sua imagem têm sido objeto de discussão e polêmica, mas ela continua a surpreender seus fãs com seu estilo autêntico e determinação em explorar novos territórios artísticos.

foto de perfil de gustavo neves author do pop cyber

Escrito por Gustavo Neves

Gustavo Neves é um jornalista experiente na cobertura de notícias nacionais e internacionais. Com uma paixão inabalável pela música, tem se destacado em diversas áreas. E-mail: [email protected]

1 pop cyber purple POP CYBER

Paula Fernandes lança sua nova música “Cicatriz” nas plataformas digitais

1 pop cyber purple POP CYBER

Maiara e Maraisa, Marília Mendonça e Pabllo Vittar, entre outros, se apresentam no Prêmio Multishow 2017