Meca e Puka se juntam em “I’m an Alien”, com vocais de Wasiu

“Nossa energia em criar temas diferentes nos uniu fortemente!”

Puka
Braslive

Com uma proposta diferente de tudo o que já apresentaram ao público, Meca e Puka apostam em timbres e elementos psicodélicos no novo lançamento que marca a estreia dos brasileiros na consagrada Watergate Records. Empenhados em trazer releases que desafiam a criatividade, “I’m an Alien” tem vocal do canadense Wasiu e apresenta uma atmosfera única que ganhará dois remixes na próxima sexta-feira, 31 de maio: o primeiro feito pelo duo alemão Adana Twins e outro pelo brazuca Zac. 

De acordo com Puka, tudo começou com a ideia central de explorar o conceito de ser um alienígena, não apenas em um sentido literal, mas também como uma metáfora para sentir-se diferente e explorar novos mundos.”‘I’m An Alien” mistura as habilidades de Meca e Puka, com groove irresistível, vocais do canadendse Wasiu e efeitos incomuns, como as vozes do icônico personagem R2-D2 de Star Wars. 

Além de adicionar uma camada única à faixa, os sons de R2-D2 ajudaram a intensificar a atmosfera futurista e alienígena que os produtores queriam criar e incorporar esses sons foi uma maneira divertida e nostálgica de trazer um pouco da magia e mistério do universo de Star Wars para a música.

“Para esta nova faixa a gente quis explorar mais o gênero Indie Dance. Buscamos experimentar uma fusão de elementos analógicos e digitais para criar uma atmosfera que fosse ao mesmo tempo futurista e nostálgica. A ideia era transportar os ouvintes para um universo completamente novo, repleto de histórias e emoções desconhecidas. Trabalhar com sons que evocam uma sensação de alienação e descoberta foi fundamental para capturar essa vibe intergaláctica. E também, trazer uma energia renovada para as pistas, algo que fosse inesperado e inovador, mantendo sempre a conexão através das letras e melodias”, conta Puka.

A colaboração entre os dois artistas fluiu de maneira muito espontânea, uma vez que Meca e Puka compartilham de ideias semelhantes para experimentar temas diferentes. A partir disso, a sintonia dos produtores logo os fizeram criar produções como “Phantom” pela label Sink or Swim, além de trabalhos inéditos.

O novo lançamento marca a estreia de Meca e Puka no selo que é responsável por expandir o impacto da música eletrônica por toda a Europa. Derivado do histórico club, o Watergate é uma das casas noturnas mais icônicas e com grande legado no circuito alemão, a perceber pelo time impecável de residentes como Marco Resmann, Matthias Meyer, Biesmans, Anja Schneider e Extrawelt. Expandindo sua influência para além do underground de Berlim, desde 2008 a gravadora Watergate Records atravessa fronteiras e direciona os holofotes para produtores notáveis, entre eles Anja Schneider, Adana Twins, Joplyn, Henrik Schwarz, Mia Mendi e JAMIIE, para citar alguns.

“A Watergate sempre foi um sonho e objetivo pra mim, agora concluído graças a essa collab com esses monstros. Ainda mais, saindo junto em um EP com remixes de Adana Twins (que sou fã desde mais de 10 anos) e ZAC, meu irmãozão que fez uma releitura sinistra da track. Agora só falta conseguir tocar no club Watergate em Berlim. Esse é o próximo objetivo”, finaliza Meca.

Follow Meca on Instagram | TikTok | YouTube | Spotify | SoundCloud

Follow Puka on Instagram | TikTok | YouTube | Spotify | SoundCloud

89ª edição da Festa de São João do Tupi agita Piracicaba

89ª edição da Festa de São João do Tupi agita Piracicaba

mr dan

Mr. Dan lança “Atrás Do Amor” em parceria com Luccas Carlos