Conecte-se conosco

Música

Maíra Garrido se liberta dos padrões impostos pela sociedade em relançamento de “Cada Não Seu”

Publicado

em

Maíra Garrido se liberta dos padrões impostos pela sociedade em relançamento de Cada Não Seu
(Foto: Divulgação)

Maíra Garrido relança nesta sexta-feira (26) a música “Cada Não Seu”, a nova versão ganha uma roupagem diferente com direito a um outro discurso, acompanhada de um clipe no canal do YouTube da artista. Quando lançou a canção pela primeira vez, a cantora foi desencorajada a ser quem realmente era e aconselhada a seguir um padrão que não a pertencia. Agora mais certa da sua verdadeira essência, Maíra quer fazer uma autoafirmação sobre ela mesma e encorajar as pessoas a reivindicarem seus ‘sims’, mesmo após tantos ‘nãos’.

“Quando lancei essa música em 2019 estava vivendo muitas situações que faziam com que sentisse que ser eu mesma não seria o suficiente. Me disseram que para ser cantora eu tinha que ser fofa, meiga, magra, nova. Uma coisa meio prodígio padrão. Eu acreditei nisso, não conhecia nada do mercado, e sentia que não tinha nada a perder. No fim das contas, tinha tudo a perder. No caso, a minha essência, que é o que eu quero trazer nessa nova versão de “Cada Não Seu”. Foram muitos os ‘nãos’ que a sociedade me impôs, mas agora eu to reivindicando meus ‘sims’”, explica.

“Cada Não Seu” foi o primeiro single autoral da artista a entrar nas plataformas de streaming e é uma das faixas que seu público mais gosta. O novo arranjo mostra uma Maíra muito mais segura de si e reflete a artista multifacetada que é, mostrando uma fase mais madura onde ela está mais ciente de sua missão no mundo.

Letra
Deixa eu me apaixonar por você
Vou te mimar e te encher de prazer
Essa intensidade é meu jeito de ser
Minha vontade é de enlouquecer

Então sou louca por querer você
Todos me dizem pra te esquecer
O que é incompatível é o nosso querer
Pois quero te ver a todo amanhecer

A cada não seu
Aumenta o meu sim
Parece que é bom
Me ver sofrer assim

Menina, eu sei
Não dá pra parar
Mas a vida passa e
Não vai nos esperar

Deixe que eu siga
Ou vem ser meu amor
Não quero ser só sua amiga
To te pedindo sem peso e sem dor

É tão difícil ficar sem te ver
Durmo e acordo pensando em você
Sei que esse tempo é pra gente entender
Ficar em silêncio só me faz sofrer

Fico lembrando seu jeito de olhar
Revejo meus passos pra não vacilar
Meu bem eu não quero te manipular
Só pulsa aqui dentro a vontade de amar

A cada não seu
Aumenta o meu sim
Parece que é bom
Me ver sofrer assim

Menina, eu sei
Não dá pra parar
Mas a vida passa e
Não vai nos esperar

Deixe que eu siga
Ou vem ser meu amor
Não quero ser só sua amiga
To te pedindo sem peso e sem dor

Deixe que eu siga
Ou vem ser meu amor
Não quero ser só sua amiga

Porque eu só quero é ser seu amor
Sermos felizes sem peso e sem dor