in

Hungria Hip Hop lança clipe da música “Primeiro Milhão”

1 pop cyber purple POP CYBER
(Foto: POP CYBER)

Dono de um talento incontestável e sucessos que conquistaram o Brasil, o rapper Hungria Hip Hop lança nesta sexta-feira (22), o clipe da música autoral “Primeiro Milhão”, que fala de superação e conquistas de quem saiu de baixo e chegou ao auge do sucesso. “Vem aí mais um trabalho feito com muita dedicação e empenho de toda uma equipe, que fez tudo para que as coisas saíssem do jeito que sonhamos”, conta o rapper.

O clipe, que teve como diretor Mateus Rigola e produtor Luan Raphael, foi gravado em três dias. No primeiro dia, Hungria aparece em um vagão de trem clássico, o Maria Fumaça, em Campinas, rodeado de belas mulheres e em determinado momento sendo tatuado por Tainá Freitas, em seguida em uma balada paulista. No dia seguinte, o rapper gravou imagens na Favela da Marcone, localizada na zona norte de São Paulo. Finalizando as gravações, ao lado das gêmeas Adriana, Andreia e Alessandra Dantas, ele contracena e interage com a tigresa Princesa*, que abrilhantou ainda mais o vídeo.

“Primeiro Milhão” dá sequência aos inúmeros sucessos de Hungria, que acumula 2,2 bilhões de visualizações e 8,7 milhões de inscritos no Youtube, além de mais de 3 milhões de ouvintes mensais nas plataformas digitais.

Sobre Hungria Hip Hop:

Hungria Hip Hop, também conhecido apenas como Hungria, é um rapper e cantor brasileiro que se tornou um dos nomes mais proeminentes do cenário do rap nacional. Nascido como Gustavo da Hungria Neves em Brasília, em 26 de maio de 1991, Hungria iniciou sua carreira musical na adolescência e conquistou grande popularidade com suas letras sinceras e autênticas.

Hungria se destacou pela primeira vez em 2011, quando lançou o álbum “Hoje Tá Embaçado”, que atraiu a atenção do público com faixas como “Carruagem” e “Desenrolou”. Essas músicas se tornaram verdadeiros sucessos e ganharam milhões de visualizações no YouTube, impulsionando a carreira de Hungria e consolidando seu nome na cena do rap brasileiro.

Com um estilo que mescla rap, trap e pop, Hungria conquistou uma legião de fãs em todo o país. Suas letras abordam temas como relacionamentos, superação, sonhos e desafios da vida cotidiana, conectando-se com uma ampla audiência. Sua habilidade de transmitir mensagens pessoais e emocionais através das músicas é uma das características que o torna tão popular.

Ao longo de sua carreira, Hungria lançou vários álbuns de sucesso, incluindo “Meu Carona” (2013), “Um Pedido” (2015) e “Amor e Fé” (2018). Em cada trabalho, ele demonstra versatilidade musical e evolução artística, experimentando diferentes estilos e colaborando com outros artistas renomados do cenário musical brasileiro.

Seu trabalho mais recente inclui o álbum “Cheiro do Mato” (2020), que trouxe uma mistura de estilos e colaborações com artistas como, MC Lipi e Lucas Lucco. O álbum foi bem recebido pelos fãs e críticos, reforçando a influência e a relevância de Hungria na indústria musical.

No cenário musical atual, Hungria continua a evoluir como artista e a explorar novas sonoridades. Seu impacto na cultura do rap no Brasil é inegável, e sua influência continuará a ser sentida por muito tempo. Hungria Hip Hop é um exemplo de perseverança, talento e determinação, e sua trajetória inspira uma legião de fãs e artistas aspirantes a seguir seus próprios caminhos na música.

Escrito por Gustavo Neves

Jornalista e empreendedor, atuando como CEO e fundador do POP CYBER. Curso Jornalismo na renomada Universidade Positivo, em Curitiba. Minha paixão pela informação e pela música me impulsionam a criar conteúdo relevante e impactante.

logo do pop cyber

Os maiores e melhores sucessos de FISHER e Chris Lake

pop cyber POP CYBER

Anitta e Pharrell fazem pocket em comunidade do Rio de Janeiro