Connect with us

Música

Gabriela Rocha, Casa Worship, Priscilla Alcântara entre outros, atingem a marca de 1 milhão de ouvintes no spotify

Published

on

WhatsApp Image 2020 04 17 at 1.46.34 PM

Nos Estados Unidos, música gospel é sinônimo de harmonias, corais crescentes e melodias facilmente identificáveis. Mas no Brasil, uma nova linha de gospel está em alta, que não parece nada com seu parente norte-americano.

O gospel brasileiro não possui um som exclusivo. Ao invés de um gênero unificado, é um termo genérico que abrange muitos estilos de música cristã em língua portuguesa: o rock mais suave do Casa Worship, o pop bem produzido de Gabriela Rocha, osdedilhados com pegada sul-americana do Preto no Branco.

Mas os números são fortes. O Brasil é um país predominantemente cristão e, desde 2015, o número de ouvintes de gospel no país cresceu em média 44% ao ano. Em 2019, foi o segundo gênero musical que mais cresceu no Brasil, ficando atrás apenas da música sertaneja. Esses números refletem o crescimento constante da comunidade evangélica protestante, que constitui o principal ouvinte do gospel brasileiro e, de acordo com recente pesquisa do Datafolha que foi tema de um episódio do podcast Café da Manhã, também representa a denominação que mais se expande no Brasil.

A música cristã tem uma história substancial em moldar o mercado musical brasileiro. O álbum mais vendido da história brasileira é “Músicas para Louvar O Senhor”, do padre católico Padre Marcelo Rossi, que vendeu mais de 3,3 milhões de cópias. E, de acordo com um artigo no jornal The Guardian, há mais de uma década temos uma história de artistas evangélicos brasileiros como Aline Barros e Fernanda Brum encabeçando as paradas de sucesso pop do Brasil, lado a lado de estrelas internacionais como Justin Bieber.

No Spotify, o gospel brasileiro é uma força cada vez mais poderosa. A playlist “Sucessos Gospel” é uma das maiores playlists cristãs do mundo, enquanto a “Louvor & Adoração” é a maior playlist do mundo de worship music.

Os artistas gospel brasileiros estão sendo levados ao mainstream pela crescente popularidade do gênero. Em agosto de 2019, apenas três deles tinham mais de 1 milhão de ouvintes mensais no Spotify. Agora 15 artistas atingiram essa marca: Gabriela Rocha, Fernandinho, Aline Barros, Preto no Branco, Casa Worship, Isaias Saad, Kemuel, Isadora Pompeo, Priscilla Alcantara, Bruna Karla, Ton Carfi, Midian Lima, Luma Elpidio, Gabriel Guedes e Ministério Zoe.

A faixa “Girassol”, de Priscilla Alcantara e Whindersson Nunes, estreou recentemente no top 5 da playlist Top 50 Brazil, que marca a estreia de maior sucesso entre artistas gospel brasileiros.

“Girassol” também foi a melhor estreia de música cristã na playlist. Antes disso, “A Casa é Sua”, do Casa Worship, tornou-se a primeira música gospel brasileira a entrar na playlist Viral 50 Brazil do Spotify, outro sinal da crescente influência do gospel brasileiro na música popular brasileira. E a demografia dos ouvintes de gospel sugere que o gênero só tende a crescer. Mais da metade dos ouvintes do estilo tem menos de 30 anos.

Advertisement