Christine Valença lança EP e videoclipe em 16mm

Lançamentos acontecem dia 17 de Junho e, no dia 27, artista se apresenta no Bar Alto (SP)

Christine Valença
Café8

A cantora e compositora carioca Christine Valença lança nesta segunda-feira, 17, um EP composto por: Recomeçará (Remix), que apresenta uma nova abordagem rítmica para a canção homônima do seu álbum de estreia, Lentes de Âmbar; e Lãs de Abril, versão em português da música Love’s Refrain do duo Expensive Magnets – formado pelo guitarrista e compositor brasileiro Pedro Martins e pela musicista e compositora americana Genevieve Artadi. A faixa Recomeçará (Remix) chega com videoclipe filmado em película 16mm com direção da produtora Espelho Lunar. Assista aqui e ouça as canções aqui.

Após os lançamentos, no dia 27 de Junho, a artista realiza um show ao lado do multi-artista paraibano Pedro Índio Negro. Em apresentação única, os artistas subirão ao palco do Bar Alto, em São Paulo, no dia 27 de junho, e ainda recebem as participações da artista pernambucana Caetana e do cantor paulistano Leo Fazio. Ingressos disponíveis aqui.

Após o show em São Paulo, a cantora carioca embarca em uma mini turnê internacional, que passará por Nova Iorque (dias 07, 11 e 27 de Julho), nos Estados Unidos, e pelas cidades de Lisboa e Porto (24 e 30 de Agosto), em Portugal.



Recomeçará (Remix) e Videoclipe

Com referências iniciais em músicas de pop solar e na voz de Carole King, a faixa Recomeçará, que chega agora em forma de remix, ganhou novos contornos que passam por toque de baião e a obra de Gilberto Gil, envoltos em efeitos sonoros. Sobre a composição, Christine conta que “a letra fala de uma sutil transformação de paradigmas, com um novo vento político que lambe os cabelos e faz algo recomeçar de outra maneira. Fala de avenidas, de trabalho, da casa de máquinas da arte, dos ensaios: que faz da repetição/diferença a sua morada mais alta e mais estranha ao olhar cotidiano”.

A respeito do clipe filmado em 16mm, a ideia foi conduzir o público por uma dança entre os caminhos visuais trabalhados no álbum Lentes de Âmbar. O vídeo inspirado no filme Tramas do Entardecer, de Maya Deren, nos leva por uma vertigem de imagens que já foram, inclusive, trabalhadas nos videoclipes anteriores. “Concebemos a ideia de reintroduzir o conceito do primeiro clipe, da faixa Rematilha, e utilizamos a mesma locação, o Espaço Focus [RJ]. O resultado é essa dança e essa espiral de imagens femininas e inebriantes, captadas pelo duo de diretoras mulheres que é a Espelho Lunar”, conta Christine.



Formado por Clara Campos e Bianca Bonfim, o duo que assina a direção como Espelho Lunar comenta: “Filmar em película se tornou uma paixão particular que tomou conta da nossa linguagem cinematográfica. Escolhemos a 16mm pela possibilidade de capturar com mais fidelidade a sensibilidade artística e o talento de Christine Valença. A videodança é uma linguagem que nos encanta e que conversa muito bem com videoclipe, dando a música um movimento e uma dinâmica que somam à narrativa”.

Além disso, foram feitas filmagens na Praia da Joatinga, no Rio de Janeiro, transmitindo as sensações causadas pelo movimento das marés e o ritmo da natureza. “O sentimento de organicidade é o que move tanto o videoclipe, quanto a escrita musical de Recomeçará. A fruição de paisagens naturais e a presença do movimento, de tudo que é impermanente, cíclico e bem vindo diz muito sobre como o trabalho foi feito, gerido, e pensado: como um todo”, continua Christine.



Lãs de Abril

O outro lado do EP, a versão de Love’s Refrain – que foi recriada para Lãs de Abril –, do duo Expensive Magnets, tem forte referência do pop californiano dos Beach Boys e The Ronettes. Enquanto a versão original da música, em inglês, propaga uma mensagem de amor e pede paz e um mundo sem tanto sofrimento, a versão em português se fortalece falando a respeito do silenciamento da mulher. “As convenções de cultura em que nascemos afetam a maneira como dividimos o mundo, e como organizamos certos conceitos, que passam de geração em geração. Essa premissa é uma angústia dentro da qual a música vai se construindo, numa iminente tomada de consciência”, explica Christine.

SERVIÇO

Christine Valença e Pedro Índio Negro @ Bar Alto, São Paulo

Data: 27 de junho (quinta-feira)

Horário: 19h | Abertura dos portões 

               20h | Início do show

Local: Bar Alto

Endereço: Rua Aspicuelta, 194 – Vila Madalena, São Paulo

Ingressos: R$ 25 (Ingressos antecipados); R$ 35 (Ingressos na porta) 

Link de venda:

https://www.ingresse.com/christine-valenca-pedroindionegro-baralto/ 

SOBRE CHRISTINE VALENÇA

A magia da arte sempre fez parte do mundo interior de Christine Valença. Nascida no Rio de Janeiro, fez cursos de Artes Cênicas e de Literatura e militou nos bastidores do espetáculo, mas o ímpeto da criação nunca deixou de acompanhá-la. Escreveu, encenou e protagonizou produções teatrais e, na música, saiu detrás do pano, integrando uma banda como instrumentista, mas não tardou a descobrir que a voz era a sua derradeira ferramenta de expressão, com a qual queria “atravessar as pessoas.” Concentrou-se, então, em tirar dela tudo o que podia, construindo um repertório “que potencializa a força feminina, da escrita, do gesto, do movimento, da voz, da criação e da coletividade”.

Lentes de Âmbar, o disco de estreia, em que colaborou com nomes como os cantores Wagner Café e Ilessi e o rapper Shock the Glock, é o resultado de anos de maquetes e esboços, impulsionado pela dor da perda e da separação, um registo de coração brasileiro e olhos postos no mundo.

banner groover

Destaque de novos lançamentos na plataforma ‘Groover’

rbd 2023 e1692991084372 POP CYBER

“Soy Rebelde Tour”: contrato, condições e detalhes