1. Home
  2. »
  3. Música
  4. »
  5. Amauri Nascimento lança...
in

Amauri Nascimento lança “Ser… Tão…”, EP inaugural da trilogia que dará vida a seu primeiro álbum

Com participações de Giselle Tigre e Luizinho de Serra, o EP destaca sua relação com o forró, São João, amizade e sensibilidad

Amauri Nascimento POP CYBER
Sidarta

O cantor e compositor pernambucano Amauri Nascimento, lança dia 14 de maio em todas as plataformas “Ser… Tão…”, EP inaugural da trilogia que irá compor seu primeiro álbum. O EP evoca a tradição pernambucana do São João e é a aposta do artista para o período junino.

O EP, com quatro faixas, abre com “EU+TU”, produzida por Yuri Queiroga e mixada por Antoine Midani (Midanix). A faixa tem ainda traz Yuri em vários instrumentos, Rafael Meninão na sanfona e a participação mais que especial de Giselle Tigre.

“EU+TU é uma faixa que foi produzida só com craques! Yuri e Midani que trabalharam com a nata da música do país, a participação de Rafael Meninão, sanfoneiro de Elba Ramalho e Giselle Tigre, uma amiga multitalentosa que ocupa um lugar muito especial em meu coração. Essa música é uma ode à nossa amizade. O clipe, que está disponível em meu canal no YouTube, é uma animação produzida por Tricia Mota, uma artista que amo, inspirado na estética cordelista e nos catecismos de Carlos Zéfiro. É o meu clipe mais assistido e, sem dúvida, um trabalho especial demais para mim. Outra peculiaridade desse trabalho foi a gravação, quando eu gravei no Estúdio Grava em Recife e Giselle em SP, no Space Blues, estúdio em que Gal Costa gravou seu último
álbum”, diz Amauri.

Tapioca à Mineira (Calango da Irah)”, segunda faixa do EP, é uma homenagem à cantora mineira radicada em Pernambuco, Irah Caldeira, que participou de ‘Miragem Tropical’, canção de estreia do cantor, em 2017. Gravada no Fábrica Estúdios, tem produção de Paulo Umbelino e um time de bambas como: Carlinhos Lua (Sax), Rinaldo Lima (baixo), Ismar Mazinho (percussão eletrônica) e Messias Bernard (guitarra). “Tapioca” conta ainda com a participação do virtuoso sanfoneiro Luizinho de Serra que abre o trabalho com uma bela loa. O clipe, disponível no YouTube, é uma delícia!

A regravação de “Anjo Querubim”, clássico de Petrúcio Amorim, é a terceira faixa, gravada ainda com a banda original de Amauri, a Doctor Vôte, com os músicos Gabriel Conolly (cello), Jonas Nascimento (bateria) e Athos Thiago que atuou como músico (violão, baixo, teclado) e produtor da faixa junto a Rodrigo Galvão (Estúdio Galvão).

Para encerrar, “Que Seja Doce”, também extraída da sessão ao vivo no Fábrica Estúdios, uma balada sensível composta como uma declaração à amizade do artista com a cantora Cirlene Menezes. A faixa ganhará uma versão com participação dela em breve.

O EP foi masterizado por Pedro França (Fábrica Estúdios) e estará disponível em todas as plataformas a partir de 14 de maio.

Martinho LeoAversa66 scaled POP CYBER

A esperança de Martinho em “Violões e cavaquinhos”

Vivencias experiencias e celebracoes tornam o Sound Of Quartzo o evento que e conheca esses pilares POP CYBER

Vivências, experiências e celebrações tornam o Sound Of Quartzo o evento que é; conheça esses pilares